Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.105,62
    -2.773,31 (-7,32%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Agência dos EUA pede que J&J descarte milhões de doses de vacina contra Covid-19

·1 minuto de leitura
Caixas da vacina contra Covid-19 da Johnson & Johnson Shepherdsville, nos EUA

Por Michael Erman

(Reuters) - A Agência de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) disse que a Johnson & Johnson precisa descartar milhões de doses de sua vacina contra Covid-19 que foram produzidas por uma fábrica de Baltimore repleta de problemas, mas também liberou milhões para uso.

Duas fontes a par da situação disseram à Reuters que a agência aprovou cerca de 10 milhões de doses. O jornal New York Times disse que as remessas sendo descartadas chegam a quase 60 milhões de doses, citando pessoas a par do assunto.

Sem revelar ou confirmar o número de doses de vacina, a FDA disse em uma nota à imprensa que autorizou duas remessas do imunizante para uso, que várias outras remessas não são adequadas para uso e que outras estão sendo avaliadas.

A agência disse que ainda não está pronta para autorizar que a fábrica da Emergent BioSolutions produza a vacina da J&J. A produção na instalação de Baltimore foi suspensa pelas autoridades norte-americanas em abril, e a J&J foi encarregada do trabalho na fábrica.

Uma fonte com conhecimento do assunto disse à Reuters que se acredita que as vacinas da J&J serão exportadas a outros países. As doses já estão em frascos e prontas para uso, disse a outra fonte.

Preocupações a respeito da segurança da vacina da J&J, somadas a uma procura declinante por vacinações em geral, reduzem muito a distribuição da vacina de dose única – quase metade das 21 milhões de doses produzidas para os EUA estão paradas.

(Por Michael Erman em Maplewood, N.J.; reportagem adicional de Mrinalika Roy e Ankru Bannerjee em Bengaluru)

((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447759)) REUTERS ES

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos