Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.580,79
    +234,97 (+0,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    -72,85 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,59
    +0,82 (+0,75%)
     
  • OURO

    1.863,70
    -1,70 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    29.646,71
    +471,88 (+1,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    660,96
    +5,14 (+0,78%)
     
  • S&P500

    3.941,48
    -32,27 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.928,62
    +48,38 (+0,15%)
     
  • FTSE

    7.484,35
    -29,09 (-0,39%)
     
  • HANG SENG

    20.112,10
    -357,96 (-1,75%)
     
  • NIKKEI

    26.697,28
    -50,86 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    11.819,25
    +48,25 (+0,41%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1634
    -0,0088 (-0,17%)
     

Advogados do 'faraó dos bitcoins' afirmam que clientes serão ressarcidos

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Glaidson Acácio dos Santos, faraó dos bitcoins, operador da GAS Consultoria, chegou a ter 67 mil clientes em 13 estados brasileiros
Glaidson Acácio dos Santos, faraó dos bitcoins, operador da GAS Consultoria, chegou a ter 67 mil clientes em 13 estados brasileiros. (AP Photo/Bruna Prado)
  • Anúncio foi feito durante transmissão no Instagram;

  • Advogados buscam derrubar decisões judiciais para pagar os clientes;

  • Glaidson Acácio dos Santos começou a negociar bitcoins em 2016.

Preso em agosto de 2021, o "faraó dos bitcoins", Glaidson Acácio dos Santos, deixou milhares de pessoas no prejuízo. Na última segunda-feira (24/01) os advogados Monica Coelho Lemos e Ciro Chagas, representantes da esposa de Glaidson, Mirelis Zerpa, afirmaram em uma transmissão no Instagram que os clientes serão ressarcidos.

Os advogados aguardam a derrubada de decisões judiciais para a efetivação dos pagamentos. Segundo os advogados a GAS Consultoria, empresa criada por Glaidson, tem condições financeiras para pagar valores devidos aos clientes e busca solucionar eventuais falhas administrativas.

Leia Mais:

Na transmissão, Monica Coelho Lemos e Ciro Chagas afirmam se preparar para o pagamento devido aos clientes. Eles afirmam desenvolver um plano que será apresentado a Justiça quando estiver pronto e que tal processo irá beneficiar todos os clientes da GAS Consultoria.

Os juristas esclareceram que não efetuou nenhum pagamento a qualquer cliente de Glaidson e que as atividades da consultoria estão suspensas, no entanto, há uma perspectiva de retomada das atividades da empresa criada por Glaidson e Mirelis.

Faraó dos Bitcoins

Glaidson Acácio dos Santos iniciou suas atividades como corretor de criptomoedas em 2016 e acumulou mais de 67 mil clientes em 13 estados brasileiros.

Ex-garçom e antigo pastor da igreja Universal, Glaidson começou a convidar amigos e colegas para investir em moedas digitais e prometia grandes retornos financeiros.

Para manter os lucros prometidos ele induzia que seus clientes convidassem mais pessoas a participar do investimento. O dinheiro aplicado por investidores era pago a outros clientes, atividade financeira conhecida como esquema de pirâmide.

Glaidson foi preso em agosto do ano passado pela Polícia Federal. Em dezembro do mesmo ano o "faraó dos bitcoins" enviou uma carta publica onde se solidarizou com seus clientes por não poder comprimir com as promessas de pagamento.

Com informações do jornal Folha de São Paulo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos