Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.100,56
    -93,24 (-0,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Adeus, Internet Explorer: 2022 marca fim derradeiro do navegador da Microsoft

·2 minuto de leitura

Após diversos anúncios e adiamentos, a Microsoft está decidida a finalmente por o último prego no caixão do navegador Internet Explorer, e a data do falecimento está marcada para 15 de junho de 2022. Após esse dia, o aplicativo será removido do Windows 10 e perderá qualquer suporte técnico oferecido pela companhia.

Em post publicado no blog oficial do Windows 10, a empresa se referiu ao Microsoft Edge como o futuro da internet, com uma navegação mais rápida, segura e moderna. Para quem ainda usa o IE, o recomendado é atualizar para o novo navegador ou buscar alguma alternativa no mercado — se optar pelo Edge, dá para importar senhas, histórico, favoritos e outros recursos.

Quem usa o Windows 10 provavelmente já tem o Edge instalado na máquina (Imagem: Reprodução/Microsoft)
Quem usa o Windows 10 provavelmente já tem o Edge instalado na máquina (Imagem: Reprodução/Microsoft)

O browser também possui compatibilidade com sites construídos em tecnologias mais antigas, o que pode afastar qualquer preocupação que um usuário mais tradicional ainda tenha. O Edge tem um "modo IE" integrado para que seja possível acessar páginas e aplicativos criados especialmente para o Explorer.

A aposentadoria não afetará os aplicativos de desktop Windows 10 LTSC e Server Internet Explorer 11 no mercado, nem o mecanismo MSHTML (Trident).

A linha do tempo do Internet Explorer chegará ao fim em 2022 (Imagem: Reprodução/Microsoft)
A linha do tempo do Internet Explorer chegará ao fim em 2022 (Imagem: Reprodução/Microsoft)

A notícia não é nada surpreendente, já que a fabricante anunciou no ano passado que a suíte aplicativos Microsoft 365 encerraria o suporte para o Internet Explorer 11 em 17 de agosto de 2021. Segundo a empresa, o Internet Explorer poderia apresentar erros ou mesmo não funcionar com serviços web como o Teams, Word, Excel, PowerPoint e Outlook.

Agora, parece que o adeus chegou também para o desktop.

Você vai sentir falta do Internet Explorer ou nunca nem chegou a usar o popular navegador? Deixe sua opinião nos comentários.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: