Mercado abrirá em 4 h 9 min
  • BOVESPA

    116.230,12
    +95,66 (+0,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.046,58
    +616,83 (+1,36%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,20
    -0,32 (-0,37%)
     
  • OURO

    1.722,70
    -7,80 (-0,45%)
     
  • BTC-USD

    20.149,79
    +240,38 (+1,21%)
     
  • CMC Crypto 200

    456,33
    +10,90 (+2,45%)
     
  • S&P500

    3.790,93
    +112,50 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    30.316,32
    +825,43 (+2,80%)
     
  • FTSE

    7.000,12
    -86,34 (-1,22%)
     
  • HANG SENG

    18.087,97
    +1.008,46 (+5,90%)
     
  • NIKKEI

    27.120,53
    +128,32 (+0,48%)
     
  • NASDAQ

    11.544,50
    -96,25 (-0,83%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1553
    -0,0126 (-0,24%)
     

Ações do Manchester United sobem após 'interesse' de Musk

Possibilidade de compra do Manchester United por Musk fez ações do clube valorizarem (ANGELA WEISS/AFP via Getty Images)
Possibilidade de compra do Manchester United por Musk fez ações do clube valorizarem (ANGELA WEISS/AFP via Getty Images)
  • Ações do clube subiram 6% com grande volume de negociações;

  • Musk afirmou que estavam brincando quanto suas intenções;

  • Reportagem da Bloomberg afirmou que donos estão cogitando buscar sócios minoritários.

As ações do Manchester United, clube de futebol inglês da cidade de Manchester, subiram 6% após uma reportagem da Bloomberg afirmar que os donos do clube estariam dispostos a vender uma participação minoritária, e sugerir que Elon Musk estaria interessado na posição.

Fontes afirmaram à rede Bloomberg, especializado em notícias econômicas, que a família Glazer estava tendo discussões sobre a venda de participações. A família americana, que também é dona do time Tampa Bay Buccaneers NFL, de futebol americano, ainda não estaria pronta para ceder o controle dos clubes, mas estaria avaliando a inclusão de novos investidores.

A reportagem afirmou, com base em um tuíte do próprio Elon Musk, que o bilionário estaria interessado na venda e em participar do quadro de sócios do clube, cuja rivalidade com o Manchester City rende notícias o ano inteiro. No Twitter, o CEO da Tesla afirmou: "Estou comprando o Manchester United, de nada".

Algumas horas depois Musk se corrigiu em resposta a um fã, dizendo que estava apenas brincando quanto a suas intenções: "Esta é uma piada de longa data no Twitter. Não estou comprando nenhum time esportivo", disse.

As informações, no entanto, fizeram com que o volume de negociações das ações do Manchester United disparasse, chegando a 4,7 milhões, quando o normal é da grandeza média de 570 mil. Em um terceiro tuíte, Elon Musk esclareceu que se um dia comprasse um time esportivo, o Manchester United seria sua escolha.

"Eles eram meu time favorito quando criança", disse ele.