Mercado fechará em 6 h 51 min
  • BOVESPA

    129.264,96
    0,00 (0,00%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.315,69
    -3,88 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,38
    -0,28 (-0,38%)
     
  • OURO

    1.774,50
    -8,40 (-0,47%)
     
  • BTC-USD

    30.046,22
    -2.061,33 (-6,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    716,98
    -133,36 (-15,68%)
     
  • S&P500

    4.224,79
    +58,34 (+1,40%)
     
  • DOW JONES

    33.876,97
    +586,89 (+1,76%)
     
  • FTSE

    7.083,02
    +20,73 (+0,29%)
     
  • HANG SENG

    28.309,76
    -179,24 (-0,63%)
     
  • NIKKEI

    28.884,13
    +873,20 (+3,12%)
     
  • NASDAQ

    14.129,00
    -1,00 (-0,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9829
    +0,0076 (+0,13%)
     

Ações da Tesla caem em meio à ‘guerra civil’ do bitcoin

·2 minuto de leitura
  • Ações da Tesla caíram após Musk que se posicionar contra o bitcoin.

  • Analistas afirmam que briga pode ter influenciado na queda.

  • Cotação do bitcoin também sofre com pressão do bilionário.

Não foi apenas a cotação do bitcoin que foi atingida seriamente pela “guerra civil” que no momento atinge o mercado de bitcoin, envolvendo, de um lado, os investidores pioneiros do núcleo duro da criptomoeda, e do outro, o bilionário Elon Musk, executivo-chefe da Tesla.

Leia também:

As ações da empresa do bilionário, negociadas na Nasdaq, a bolsa de valores de tecnologia dos Estados Unidos, também foram atingidas, e sofriam baixa na tarde desta segunda-feira (17).

No fechamento deste texto, as ações eram negociadas a US$ 576.83, baixa de -2.19%.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Analistas apontam que o imbróglio envolvendo o bitcoin pode ter influenciado na tendência de baixa da Tesla, cujas ações são a principal fonte de fortuna do empresário sul-africano.

‘Guerra civil’

Uma espécie de “guerra civil” dentro da comunidade de criptomoedas detonou na semana passada, fazendo a cotação do bitcoin e de outros tokens despencar no cenário em que as moedas já enfrentavam pressão de venda.

Como resultado, os preços baixaram ainda mais, ampliando o nervosismo de um mercado que já estava com os nervos à flor da pele desde a semana passada.

E tudo começou com o bilionário mais polêmico e agora odiado pelos donos de bitcoin: o executivo-chefe da Tesla, Elon Musk.

O clima já estava ruim para o bitcoin desde que Musk anunciou que a Tesla pararia de aceitar bitcoins na venda de seus veículos por conta de supostas preocupações ambientais da empresa. Foi o suficiente para os fãs do núcleo duro da comunidade bitcoin atacassem incessantemente o bilionário, uma das pessoas mais ricas do mundo.

Sobraram memes e xingamentos.

Infelizmente, Musk ficou ainda mais irritado com os ataques, e chegou a anunciar que estaria pensando em vender todos os bitcoins da Tesla. Esse foi mais um baque para a cotação.

Como resultado, o bitcoin despencou e atualmente está sendo negociado a menos de US$ $45 mil.

Para azar de Musk, o mercado inteiro de criptos veio abaixo junto. Sua querida moeda Dogecoin também despencou de valor. Atualmente é cotada a US$ 0.49.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos