Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.909,03
    -129,08 (-0,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.867,15
    +618,13 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,87
    -0,05 (-0,08%)
     
  • OURO

    1.835,60
    -2,00 (-0,11%)
     
  • BTC-USD

    55.517,93
    -2.646,54 (-4,55%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.463,19
    -98,10 (-6,28%)
     
  • S&P500

    4.188,43
    -44,17 (-1,04%)
     
  • DOW JONES

    34.742,82
    -34,94 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.123,68
    -6,03 (-0,08%)
     
  • HANG SENG

    28.595,66
    -14,99 (-0,05%)
     
  • NIKKEI

    29.518,34
    0,00 (0,00%)
     
  • NASDAQ

    13.332,75
    -24,00 (-0,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3614
    +0,0212 (+0,33%)
     

Aço na China cai por preocupação com controles do governo; minério de ferro sobe

·1 minuto de leitura

PEQUIM (Reuters) - Os futuros do aço na China caíram nesta segunda-feira, chegando a recuar cerca de 3% em meio a preocupações com impactos regulatórios à produção, após o premiê Li Keqiang ter prometido fortalecer o controle de matérias-primas, embora a demanda por metais industriais siga robusta.

"A economia em geral e a operação de empresas continuaram a se recuperar, mas preços em alta nas commodities internacionais trouxeram grande pressão sobre custos das companhias" , disse Li segundo a agência de notícias estatal Xinhua na semana passada.

Li pediu o fortalecimento da regulação do mercado de matérias-primas para aliviar pressões de custos sobre empresas, de acordo com a Xinhua.

O contrato mais ativo do vergalhão de aço na bolsa de futuros de Xangai, para entrega em outubro, chegou a cair 2,9%, a 4.937 iuanes (753,44 dólares) por tonelada. O contrato encerrou com queda de 2%, a 4.985 iuanes.

Mas a demanda por produtos siderúrgicos seguiu firme.

Com isso, os futuros do minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian para entrega em setembro fecharam em alta de 2,6%, a 1.014 iuanes por tonelada.

(Por Min Zhang e Shivani Singh)