Mercado abrirá em 5 h 53 min
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,87
    +0,89 (+1,20%)
     
  • OURO

    1.757,80
    +6,10 (+0,35%)
     
  • BTC-USD

    43.901,63
    +1.854,38 (+4,41%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.093,69
    -9,37 (-0,85%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    0,00 (0,00%)
     
  • HANG SENG

    24.215,10
    +22,94 (+0,09%)
     
  • NIKKEI

    30.240,06
    -8,75 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.368,50
    +49,75 (+0,32%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2498
    -0,0058 (-0,09%)
     

Aço inoxidável avança em Xangai com salto do preço do níquel e cortes de produção

·1 minuto de leitura

PEQUIM (Reuters) - Os contratos futuros do aço inoxidável negociados na China saltaram mais de 4% nesta terça-feira, respaldados pelos fortes preços do níquel e por preocupações com a oferta, na esteira da imposição de controles sobre projetos com alto consumo de energia em algumas regiões do país que não conseguiram cumprir suas metas energéticas no primeiro semestre.

A oferta de níquel "pig iron" está relativamente apertada, à medida que produtores visam sustentar os preços, disseram analistas da Huatai Futures em nota.

Os contratos do níquel na bolsa de futuros de Xangai avançaram para uma máxima recorde de 149.870 iuanes (23.200,77 dólares) por tonelada.

Os futuros mais ativos do aço inoxidável em Xangai, para entrega em outubro, chegaram a subir 4,1%, a 18.500 iuanes (2.859,97 dólares) por tonelada, antes de fecharem em alta de 3,9%, a 18.455 iuanes/tonelada.

O vergalhão de aço para entrega em janeiro registrou variação positiva de 0,3%, a 5.308 iuanes a tonelada.

Já as bobinas laminadas a quente, utilizadas no setor de manufatura, recuaram 0,2%, para 5.564 iuanes/tonelada.

Os contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de commodities de Dalian, por sua vez, fecharam em queda de 5%, a 808 iuanes por tonelada.

(Reportagem de Min Zhang e Dominique Patton)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos