Mercado fechará em 3 h 19 min
  • BOVESPA

    113.749,45
    +466,78 (+0,41%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.536,99
    +431,28 (+0,84%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,46
    +1,48 (+2,00%)
     
  • OURO

    1.753,90
    +2,20 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    43.258,28
    +20,54 (+0,05%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.075,33
    -26,19 (-2,38%)
     
  • S&P500

    4.443,45
    -12,03 (-0,27%)
     
  • DOW JONES

    34.916,90
    +118,90 (+0,34%)
     
  • FTSE

    7.063,40
    +11,92 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    24.208,78
    +16,62 (+0,07%)
     
  • NIKKEI

    30.240,06
    -8,75 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.163,50
    -155,25 (-1,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2686
    +0,0130 (+0,21%)
     

Aço dispara na China com cortes de produção em meio a período de pico de demanda

·1 minuto de leitura

PEQUIM (Reuters) - Os contratos futuros do aço negociados na China avançaram nesta sexta-feira, com o aço inoxidável acompanhando ganhos do vergalhão e das bobinas laminadas a quente e saltando mais de 6%, à medida que restrições de produção durante o período de pico de demanda geram preocupações com a oferta global.

A demanda aparente por cinco importantes produtos de aço, incluindo materiais utilizados na construção e manufatura, aumentou pela terceira semana consecutiva, atingindo 10,41 milhões de toneladas, mostraram dados da consultoria Mysteel compilados até quinta-feira.

As taxas de utilização da capacidade dos altos-fornos em 162 usinas na China, no entanto, recuaram para 75,06% nesta semana, ante 75,53% na semana anterior, de acordo com a Mysteel.

O contrato mais ativo do aço inoxidável na bolsa de futuros de Xangai, para outubro, chegou a saltar 6,1%, a 18.760 iuanes (2.904,97 dólares) por tonelada, antes de fechar em alta de 5,9%, a 18.715 iuanes.

Os futuros das bobinas laminadas a quente na bolsa de Xangai, para entrega em janeiro, avançaram 4,3%, a 5.784 iuanes por tonelada, cravando ganhos semanais de 5,3%.

O vergalhão de aço usado na construção subiu 2,4%, para 5.408 iuanes/tonelada. Na semana, acumulou ganho de 3,6%.

Já os preços de matérias-primas siderúrgicas também operaram em alta. A referência do minério de ferro na bolsa de commodities de Dalian subiu 1,4%, para 786 iuanes a tonelada.

(Reportagem de Min Zhang e Dominique Patton)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos