Mercado abrirá em 1 h 50 min
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,51 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    53,02
    +0,25 (+0,47%)
     
  • OURO

    1.851,40
    -3,80 (-0,20%)
     
  • BTC-USD

    32.068,23
    -1.399,66 (-4,18%)
     
  • CMC Crypto 200

    646,74
    -0,58 (-0,09%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.678,44
    +39,59 (+0,60%)
     
  • HANG SENG

    29.391,26
    -767,75 (-2,55%)
     
  • NIKKEI

    28.546,18
    -276,11 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.429,75
    -45,75 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6920
    +0,0558 (+0,84%)
     

Ações iniciam 2021 em disparada com otimismo sobre Brexit e vacinas

Amal S e Shreyashi Sanyal
·1 minuto de leitura

Por Amal S e Shreyashi Sanyal

(Reuters) - As ações europeias avançaram na primeira sessão de negócios do ano nesta segunda-feira, com um acordo comercial histórico do Brexit e campanhas de vacinação contra o coronavírus em todo o continente impulsionando as expectativas de uma forte recuperação econômica.

O índice pan-regional STOXX 600 teve alta de 0,7%, tendo tocado máximas desde fevereiro de 2020, com o setor de mineração, economicamente sensível, avançando mais de 3%.

As ações listadas na Alemanha da maior empresa de turismo do mundo, a TUI, subiram 2,7% depois que seu presidente-executivo disse a um jornal que espera "um verão (no Hemisfério Norte) amplamente normal" este ano.

O DAX da Alemanha subiu 0,1% para encerrar negociado abaixo das máximas históricas, enquanto o CAC 40 da França subiu 0,7%. As ações globais atingiram máximas recordes, com o STOXX 600 se recuperando cerca de 50% ante sua mínima de março de 2020, enquanto os investidores depositavam suas esperanças nas vacinas contra o coronavírus para alimentar uma rápida recuperação econômica. O Reino Unido começou a vacinar sua população com a vacina da Covid-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford juntamente com a AstraZeneca nesta segunda-feira.

. Em LONDRES, o índice Financial Times teve alta de 1,72%, a 6.571 pontos.

. Em FRANKFURT, o índice DAX teve alta de 0,06%, a 13.726 pontos.

. Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,68%, a 5.588 pontos.

. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,37%, a 22.315 pontos.

. Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,32%, a 8.099 pontos.

. Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 1,93%, a 4.993 pontos.