Mercado fechará em 2 h 20 min
  • BOVESPA

    100.758,48
    +2.086,22 (+2,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.204,78
    +463,28 (+0,97%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,84
    +2,22 (+2,06%)
     
  • OURO

    1.824,30
    -6,00 (-0,33%)
     
  • BTC-USD

    20.731,75
    -473,57 (-2,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    451,91
    -9,89 (-2,14%)
     
  • S&P500

    3.905,38
    -6,36 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    31.465,76
    -34,92 (-0,11%)
     
  • FTSE

    7.258,32
    +49,51 (+0,69%)
     
  • HANG SENG

    22.229,52
    +510,46 (+2,35%)
     
  • NIKKEI

    26.871,27
    +379,30 (+1,43%)
     
  • NASDAQ

    12.074,25
    -66,25 (-0,55%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5291
    -0,0233 (-0,42%)
     

Ações de Hong Kong têm maior queda em 5 semanas com inflação nos EUA e preocupações com Covid

Pessoa caminha em passarela sobre quadro eletronico mostrando cotações da bolsa chinesa, em Xangai

XANGAI (Reuters) - As ações da China caíram nesta segunda-feira e o mercado de Hong Kong registrou o maior declínio intradiário desde 6 de maio, já que a incerteza em relação à Covid-19 desencadeou preocupações de lockdowns, enquanto a inflação nos Estados Unidos levantou preocupações quanto ao aperto da política monetária.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, fechou em queda de 1,17%, enquanto o índice de Xangai recuou 0,89%.

O índice de Hong Kong Hang Seng caiu 3,39%, enquanto o China Enterprises Index perdeu 3,5%.

Autoridades em Pequim correram nesta segunda-feira para conter um surto de Covid, com milhões enfrentando testes obrigatórios e milhares sob lockdowns direcionados, enquanto Xangai completou testes em massa para a maioria de seus 25 milhões de residentes no fim de semana.

Os mercados acionários globais caíram depois que o índice de preços ao consumidor nos EUA registrou alta de 8,6% no mês passado, o maior aumento anual desde dezembro de 1981.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 3,01%, a 26.987 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 3,39%, a 21.067 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,89%, a 3.255 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,17%, a 4.189 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 3,52%, a 2.504 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 2,36%, a 16.070 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 1,33%, a 3.139 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 permaneceu fechado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos