Mercado abrirá em 1 h 43 min
  • BOVESPA

    113.430,54
    +1.157,53 (+1,03%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.564,27
    +42,84 (+0,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,90
    +0,03 (+0,04%)
     
  • OURO

    1.940,80
    -4,50 (-0,23%)
     
  • BTC-USD

    23.018,72
    +141,56 (+0,62%)
     
  • CMC Crypto 200

    524,33
    +5,54 (+1,07%)
     
  • S&P500

    4.076,60
    +58,83 (+1,46%)
     
  • DOW JONES

    34.086,04
    +368,95 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.780,26
    +8,56 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    22.072,18
    +229,85 (+1,05%)
     
  • NIKKEI

    27.346,88
    +19,77 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.122,75
    -29,25 (-0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5290
    +0,0134 (+0,24%)
     

Ações de Hong Kong sobem, China cai com investidores avaliando flexibilização de controle da Covid

Bolsa de Valores de Xangai, China

XANGAI(Reuters) - As ações da China caíram enquanto as ações de Hong Kong saltaram nesta quarta-feira, conforme investidores avaliavam o desmantelamento da China da maioria de suas regras de controle da Covid.

O mercado de Hong Kong reabriu nesta quarta após as férias de Natal, atualizando-se com os pares sobre as notícias da China a respeito da flexibilização das regras da Covid.

O mercado de Hong Kong também foi impulsionado quando o líder da cidade, John Lee, disse que Hong Kong cancelará suas rígidas regras para a Covid a partir de quinta-feira, o que significa que os viajantes que chegam não precisarão mais fazer testes PCR obrigatórios, enquanto o passe de vacina da cidade também seria descartado.

"Vemos as novas diretrizes como um grande passo para a reabertura total, mas alertamos sobre os crescentes desafios para o sistema médico da China no curto prazo", disseram analistas do Goldman Sachs em nota.

As ações de automóveis caíram 3,1%, as de empresas de transporte caíram 2%, mas as de bancos subiram 1%.

Os gigantes da tecnologia listados em Hong Kong subiram 2,1%, depois que seus pares listados nos EUA saltaram durante a noite. O índice Nasdaq Golden Dragon China subiu 2,1% em Wall Street.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei <.N225> recuou 0,41%, a 26.340 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG <.HSI> subiu 1,56%, a 19.898 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC <.SSEC> perdeu 0,26%, a 3.087 pontos.

. O índice CSI300 <.CSI300>, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,43%, a 3.871 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI <.KS11> teve desvalorização de 2,24%, a 2.280 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX <.TWII> registrou baixa de 1,08%, a 14.173 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES <.STI> valorizou-se 0,02%, a 3.266 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 <.AXJO> recuou 0,30%, a 7.086 pontos.

(Por Redação Xangai)