Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,50 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,11 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,82
    +0,11 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.832,00
    +16,30 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    57.366,46
    -1.488,19 (-2,53%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.480,07
    +44,28 (+3,08%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.715,50
    +117,75 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3651
    -0,0015 (-0,02%)
     

Ações europeias têm 1ª queda semanal desde fevereiro; Allfunds salta em estreia

Sruthi Shankar
·2 minuto de leitura
Vista da sala de negociação da bolsa de valores de Frankfurt

Por Sruthi Shankar

(Reuters) - As ações europeias registraram sua primeira perda semanal em oito semanas nesta sexta-feira, com um aumento nos casos globais de coronavírus se sobrepondo ao otimismo em torno de uma temporada de fortes balanços, enquanto a Allfunds, com sede em Madri, saltou em sua estreia no mercado de Amsterdã.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,16%, a 1.690 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,2%, em curso de uma queda semanal de 0,8%.

Ações defensivas, como as dos setores de saúde e consumo, ficaram entre os maiores declínios, enquanto o aumento dos preços das commodities elevou as mineradoras.

O sentimento foi prejudicado após notícias de que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, está planejando aumentar o imposto de renda sobre a população mais rica, uma proposta que alguns disseram difícil de ser aprovada no Congresso.

Enquanto isso, "tememos uma terceira onda de infecção em muitas partes do mundo", disse Susannah Streeter, analista sênior de investimentos e mercados da Hargreaves Lansdown. "Isso vai continuar agindo como um obstáculo para o aumento dos índices."

Já a empresa espanhola de distribuição de fundos Allfunds disparou mais 20% em seu primeiro dia de negociações, impulsionando um mercado de IPOs prejudicado pela listagem decepcionante do Deliveroo no mês passado.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,00%, a 6.938,56 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,27%, a 15.279,62 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,15%, a 6.257,94 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,05%, a 24.386,09 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,44%, a 8.618,60 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,21%, a 5.000,29 pontos.