Mercado abrirá em 5 h 5 min
  • BOVESPA

    122.937,87
    +1.057,05 (+0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.371,98
    +152,72 (+0,31%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,88
    +0,61 (+0,92%)
     
  • OURO

    1.869,80
    +2,20 (+0,12%)
     
  • BTC-USD

    45.082,87
    +137,23 (+0,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.253,45
    +55,54 (+4,64%)
     
  • S&P500

    4.163,29
    -10,56 (-0,25%)
     
  • DOW JONES

    34.327,79
    -54,34 (-0,16%)
     
  • FTSE

    7.075,91
    +43,06 (+0,61%)
     
  • HANG SENG

    28.562,49
    +368,40 (+1,31%)
     
  • NIKKEI

    28.406,84
    +582,01 (+2,09%)
     
  • NASDAQ

    13.420,50
    +117,00 (+0,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4277
    +0,0178 (+0,28%)
     

Ações europeias fecham estáveis com otimismo sobre balanços compensando cautela antes do Fed

Sruthi Shankar e Ambar Warrick
·1 minuto de leitura
Bolsa de Frankfurt

Por Sruthi Shankar e Ambar Warrick

(Reuters) - As ações europeias fecharam estáveis ​​nesta quarta-feira, com o otimismo sobre uma série de balanços bancários positivos sendo compensado pela cautela antes da decisão de política monetária do Federal Reserve.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,02%, a 1.693 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,02%, a 440 pontos, com as ações de bancos liderando os ganhos entre os setores regionais. O subíndice fechou com alta de 1,5%.

O Deutsche Bank disparou 10,7% para o topo do STOXX 600, uma vez que a força de seu banco de investimento ajudou o credor alemão a registrar um lucro líquido melhor do que o esperado no primeiro trimestre.

No entanto, os investidores evitaram fazer grandes apostas nesta quarta-feira antes do anúncio de política monetária do banco central dos Estados Unidos. Espera-se que as autoridades do Fed reafirmem sua posição de política monetária flexível até que haja progresso econômico suficiente.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,27%, a 6.963,67 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,28%, a 15.292,18 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,53%, a 6.306,98 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,06%, a 24.459,57 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,49%, a 8.799,60 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,10%, a 5.017,75 pontos.