Mercado fechado

Ações europeias fecham em máxima recorde após anúncios de Fed e BC britânico

·2 min de leitura
Bolsa de Valores de Frankfurt

Por Anisha Sircar e Shreyashi Sanyal

(Reuters) - O mercado acionário europeu avançou pela quinta sessão seguida nesta quinta-feira para atingir máximas recordes, depois de o Federal Reserve sinalizar que não tem pressa para elevar os custos dos empréstimos, enquanto o banco central britânico deixou inalterada sua taxa de juros.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,32%, a 1.870 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,41%, a 483 pontos.

O STOXX 600 passou a maior parte do dia em território positivo depois de o banco central dos Estados Unidos ter dito, como esperado, que vai começar a reduzir suas compras mensais de títulos em novembro, com planos de encerrá-las no próximo ano.

O Banco Central Europeu também sinalizou na quarta-feira que não tem pressa de apertar a política monetária. Mas o Banco da Inglaterra surpreendeu os investidores ao deixar inalterada sua taxa de juros, pressionando a libra e elevando o índice britânico FTSE 100.

"O fato de a votação (do Banco da Inglaterra) não ter sido nem perto de uma maioria a favor da alta dos juros sugere que as taxas podem permanecer onde estão por vários meses à frente", disse David Madden, analista de mercado do Equiti Capital.

O STOXX 600 tem atingido uma série de máximas recordes em novembro, devido a uma temporada relativamente forte de balanços, apesar do aumento das pressões de custos.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,43%, a 7.279 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,44%, a 16.029 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,53%, a 6.987 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,53%, a 27.522 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,10%, a 9.039 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,18%, a 5.702 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos