Mercado fechará em 5 h 25 min
  • BOVESPA

    98.639,40
    -314,50 (-0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.180,12
    +436,97 (+0,92%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,43
    +2,00 (+1,84%)
     
  • OURO

    1.810,50
    +9,00 (+0,50%)
     
  • BTC-USD

    19.570,03
    +533,52 (+2,80%)
     
  • CMC Crypto 200

    423,73
    +3,59 (+0,85%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,86 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.243,51
    +74,86 (+1,04%)
     
  • HANG SENG

    21.830,35
    -29,44 (-0,13%)
     
  • NIKKEI

    26.153,81
    +218,19 (+0,84%)
     
  • NASDAQ

    11.535,50
    -75,75 (-0,65%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5306
    -0,0281 (-0,51%)
     

Ações europeias fecham em alta com dados otimistas dos EUA

Salão da Bolsa de Valores de Frankfurt

Por Susan Mathew

(Reuters) - As ações europeias marcaram sua melhor semana desde meados de março e encerraram esta sexta-feira em alta, após dados otimistas dos Estados Unidos e moderação nas apostas de aumentos agressivos dos juros elevarem o sentimento.

O índice pan-europeu STOXX 600 subiu pela terceira sessão consecutiva e fechou em alta de 1,42%, a 443,93 pontos, o que levou seus ganhos semanais para 3%.

Os papéis de tecnologia lideraram os avanços entre os setores e ganharam 3,3%, enquanto as ações industriais e de luxo ficaram entre os maiores impulsos para o STOXX 600.

Um rali em Wall Street decorrente de alguns fortes balanços de varejo e tecnologia e dados otimistas de gastos do consumidor para abril ajudaram a aliviar parte das preocupações sobre uma desaceleração do crescimento econômico, que agitaram os mercados nesta semana. Dados também mostraram que a inflação nos EUA desacelerou no mês passado. [.NPT]

Os bancos brilharam nesta semana, com alta de 6%, conforme os principais bancos centrais permanecem a caminho de elevar as taxas de juros.

O STOXX 600 está a caminho de encerrar maio em baixa, o que deixaria março como o único mês em que avançou neste ano.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,27%, a 7.585,46 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,62%, a 14.462,19 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,64%, a 6.515,75 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,37%, a 24.636,26 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,50%, a 8.933,60 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 1,02%, a 6.240,72 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos