Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.909,61
    +2.127,46 (+1,96%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.174,06
    -907,27 (-1,78%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,65
    +0,45 (+0,58%)
     
  • OURO

    1.762,50
    -1,20 (-0,07%)
     
  • BTC-USD

    16.460,93
    +238,00 (+1,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    389,69
    +0,96 (+0,25%)
     
  • S&P500

    3.957,63
    -6,31 (-0,16%)
     
  • DOW JONES

    33.852,53
    +3,07 (+0,01%)
     
  • FTSE

    7.512,00
    +37,98 (+0,51%)
     
  • HANG SENG

    18.204,68
    +906,74 (+5,24%)
     
  • NIKKEI

    28.027,84
    -134,99 (-0,48%)
     
  • NASDAQ

    11.502,25
    -22,50 (-0,20%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4522
    -0,0970 (-1,75%)
     

Ações europeias atingem máxima de 8 semanas com atenções sobre eleição de meio de mandato nos EUA

Bolsa de Frankfurt, Alemanha

Por Shreyashi Sanyal e Ankika Biswas

(Reuters) - As ações europeias atingiram um pico em oito semanas para o fechamento nesta terça-feira, com os investidores esperando um resultado favorável ao mercado nas eleições de meio de mandato dos Estados Unidos.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,78%, a 421,61 pontos, depois de se movimentar em uma faixa estreita durante a maior parte do dia, com os setores de tecnologia e varejo em destaque.

A Pandora disparou 10,6% depois que a empresa destacou a demanda resiliente dos consumidores, mesmo em meio ao aumento dos custos de vida.

Os principais índices de Wall Street avançavam nesta sessão, quando os norte-americanos começaram a votar nas eleições legislativas. Analistas preveem uma vitória republicana que levará a um governo dividido.

"Os investidores preveem que os republicanos pelo menos ganhem a Câmara dos Deputados, mas muito provavelmente você também terá a maioria no Senado. Os republicanos são mais pró-negócios do que os democratas, então pode ser isso que estamos vendo hoje", disse Teeuwe Mevissen , economista sênior do Rabobank.

Além disso, os investidores também ficarão de olho nos dados de preços ao consumidor dos EUA de outubro, previstos para quinta-feira, para determinar se a política agressiva de aperto monetário do Federal Reserve ajudou a reduzir a inflação.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,08%, a 7.306,14 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,15%, a 13.688,75 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,39%, a 6.441,50 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,86%, a 23.694,17 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,46%, a 7.998,90 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,09%, a 5.770,42 pontos.

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5047 2984)) REUTERS CMO IV