Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.801,21
    -1.775,35 (-1,44%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.195,43
    -438,48 (-0,85%)
     
  • PETROLEO CRU

    67,99
    -0,16 (-0,23%)
     
  • OURO

    1.814,40
    -0,10 (-0,01%)
     
  • BTC-USD

    39.701,48
    +1.446,05 (+3,78%)
     
  • CMC Crypto 200

    977,06
    +50,30 (+5,43%)
     
  • S&P500

    4.402,66
    -20,49 (-0,46%)
     
  • DOW JONES

    34.792,67
    -323,73 (-0,92%)
     
  • FTSE

    7.123,86
    +18,14 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    26.426,55
    +231,73 (+0,88%)
     
  • NIKKEI

    27.584,08
    -57,75 (-0,21%)
     
  • NASDAQ

    15.083,75
    +10,25 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1183
    -0,0472 (-0,77%)
     

Ações da MicroStrategy superam ganhos do Bitcoin desde início de compras por empresa

·2 minuto de leitura
MicroStrategy e Bitcoin
MicroStrategy e Bitcoin

Com a queda do Bitcoin no mercado, muitos voltaram a analisar o comportamento de ações de empresas que se expuseram a essa criptomoeda. Uma delas, a MicroStrategy, acabou se mostrando boa em relação ao Bitcoin, com suas ações valorizando mais que a moeda digital desde que a empresa comprou o ativo digital.

Desde setembro de 2020, a MicroStrategy já efetuou a compra de 105 mil bitcoins, sendo a soma alcançada no último mês de junho. Com isso, a baleia institucional confirmou mais uma vez sua crença na tecnologia da maior moeda digital.

O CEO da MicroStrategy então, Michael Saylor, é um fã declarado do Bitcoin, mesmo quando grandes quedas acontecem no mercado. Na terça, por exemplo, o preço do BTC caiu abaixo de US$ 30 mil, mas isso não levou Saylor a desacreditar da tecnologia.

“Os fundamentos do Bitcoin nunca estiveram melhores”.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Qual a relação das ações da MicroStrategy com o Bitcoin?

Sendo a maior detentora institucional de Bitcoin no mundo, pelo menos em declarações públicas, a MicroStrategy acabou gerando preocupações para seus investidores no início dessa jornada, que parecia absurda para muitos que não entendiam a postura de compra de uma moeda digital como reserva de valor.

Contudo, a maior empresa independente de análise e inteligência de negócios de capital aberto, com operações até no Brasil, superou as desconfianças com suas compras de Bitcoin sucessivas.

Vale o destaque que muitos que desconfiavam do Bitcoin, mas não queriam ficar de fora do mercado, acabaram comprando os papéis dessa empresa. Não está claro se isso foi o motivo principal do otimismo de investidores com a MicroStrategy, mas suas ações acabaram valorizando 270% desde setembro do último ano, em relação ao Dólar.

No mesmo período, o Bitcoin deu um retorno de cerca de 170% aos seus investidores. Já a Nasdaq, corretora de valores norte-americana, acabou subindo 33,8%, sendo assim o pior retorno nessa comparação, feita pela Ecoinometrics.

Performance das ações da MicroStrategy, Bitcoin e Nasdaq desde setembro de 2020
Performance das ações da MicroStrategy, Bitcoin e Nasdaq desde setembro de 2020/Twitter

Para ampliar a distância entre o preço do Bitcoin e o retorno das ações da MicroStrategy, a criptomoeda caiu2,6% nas últimas 24 horas, enquanto no mesmo período a grande companhia dos Estados Unidos subiu 1,26%, ambos em relação ao dólar.

Essa movimentação pode atrair o interesse de investidores do Bitcoin que querem fugir das recentes quedas do mercado e ainda diversificar no mercado de risco.

No próximo dia 29 de julho, a MicroStrategy anunciará seu resultado do segundo trimestre de 2021, que poderá deixar mais claro se a empresa tem uma boa experiência com seus investimentos no mercado de criptomoedas ao longo dos últimos meses.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos