Mercado fechará em 2 h 25 min
  • BOVESPA

    114.264,09
    +1.981,81 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.553,38
    +215,04 (+0,42%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,35
    +1,12 (+1,55%)
     
  • OURO

    1.750,40
    -28,40 (-1,60%)
     
  • BTC-USD

    44.752,17
    +1.611,24 (+3,73%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.124,83
    +15,91 (+1,43%)
     
  • S&P500

    4.462,78
    +67,14 (+1,53%)
     
  • DOW JONES

    34.853,71
    +595,39 (+1,74%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.510,98
    +289,44 (+1,19%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.324,25
    +160,75 (+1,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2150
    +0,0062 (+0,10%)
     

Ações da Apple atingem recorde histórico e valor da empresa chega a US$ 2,59 tri

·1 minuto de leitura

Nem a saída de Doug Field da Apple (ele estava envolvido com o projeto do Apple Car) afetou a alta das ações da companhia na Nasdaq na terça-feira (7). Após o anúncio de um evento da marca na próxima terça-feira (14), os títulos tiveram alta de 1,55% atingiram US$ 156,69 (R$ 830 na cotação atual), um novo recorde histórico. Durante o dia, os papéis atingiram US$ 157,26 (R$ 833,5).

Com o novo preço das ações, a empresa passa a valer US$ 2,59 trilhões (R$ 13,7 trilhões). Com isso, a Apple se mantém à frente de Microsoft (US$ 2,256 trilhões ou R$ 12 trilhões), Alphabet (US$ 1,933 trilhão ou R$ 10,2 trilhões), Amazon (US$ 1,777 trilhão ou R$ 9,4 trilhões) e Facebook (US$ 1,078 trilhão ou R$ 5,7 trilhões). O desempenho dos títulos da Apple no mês passado só perde para os da Netflix, que subiram 17%.

Imagem: Reprodução/Unsplash/AltumCode
Imagem: Reprodução/Unsplash/AltumCode

Chamada de California Streaming, a apresentação da semana que vem pode lançar conteúdo que concorra diretamente com a Amazon e a Netflix ou até um hardware específico para streaming. Além disso, espera-se que a marca revele a família iPhone 13 ou uma atualização da linha iPhone 12 com 5G.

Para Samik Chatterjee, analista da JPMorgan, em 2022, os títulos da Apple podem chegar a US$ 180 (R$ 954) — 15% a mais que o valor atual. “Há vários fatores para isso: a aposta da companhia em serviços, o aumento da base instalada e a liderança tecnológica, entre outros”, aponta. “Tudo isso nos faz esperar crescimento de dois dígitos na receita e modesta reclassificação das ações."

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos