Mercado fechará em 1 h
  • BOVESPA

    129.912,20
    +471,17 (+0,36%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.149,06
    -137,40 (-0,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,91
    0,00 (0,00%)
     
  • OURO

    1.866,50
    -13,10 (-0,70%)
     
  • BTC-USD

    39.780,92
    +2.251,36 (+6,00%)
     
  • CMC Crypto 200

    992,43
    +23,59 (+2,44%)
     
  • S&P500

    4.237,62
    -9,82 (-0,23%)
     
  • DOW JONES

    34.259,08
    -220,52 (-0,64%)
     
  • FTSE

    7.146,68
    +12,62 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.161,80
    +213,07 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    14.064,25
    +70,00 (+0,50%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1426
    -0,0500 (-0,81%)
     

Ação da Dotz dispara em estreia na B3

·1 minuto de leitura

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A administradora de programa de fidelidade Dotz disparava em estreia na B3 nesta segunda-feira, após precificar IPO a 13,20 reais por ação na semana passada, levantando 390,72 milhões de reais.

A oferta restrita, coordenada por BTG Pactual, Itaú BBA, UBS BB e Credit Suisse, consistiu na distribuição pública primária de 29.600.000 papéis. Não houve colocação do lote adicional (de até 10.360.000 ações.

Em meados de maio, a companhia suspendeu sua oferta de ações, citando a deterioração da conjuntura do mercado de capitais brasileiro.

Por volta de 10:20, as ações da Dotz subiam 11,89%, a 14,77 reais, na máxima da sessão até o momento.