Mercado fechado
  • BOVESPA

    117.380,49
    -948,51 (-0,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.126,51
    +442,96 (+0,99%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,88
    +0,11 (+0,21%)
     
  • OURO

    1.854,80
    -0,40 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    32.483,93
    -963,32 (-2,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    653,79
    -23,11 (-3,41%)
     
  • S&P500

    3.855,36
    +13,89 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    30.960,00
    -36,98 (-0,12%)
     
  • FTSE

    6.638,85
    -56,22 (-0,84%)
     
  • HANG SENG

    30.159,01
    +711,16 (+2,41%)
     
  • NIKKEI

    28.822,29
    +190,84 (+0,67%)
     
  • NASDAQ

    13.469,50
    -6,00 (-0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6379
    -0,0141 (-0,21%)
     

9 jogadores que são bons demais para suas equipes

Antonio Mota
·3 minuto de leitura

O futebol é um esporte coletivo e cheio de atletas dos mais diferentes níveis técnicos e táticos, e isso, mesmo sendo natural, acaba fazendo com que alguns ótimos jogadores acabem, ao menos por um tempo, se “prendendo” a equipes que não conseguem acompanhá-los, como é o caso dos 9 jogadores abaixo. Confira.

Nota: a avaliação é sobre a qualidade técnica do time e não acerca da história, passado, conquistas etc., dos clubes.

1. Rodrigo De Paul (Udinese)

DeFodi Images/Getty Images
DeFodi Images/Getty Images

Referência da Udinese, o meio-campista Rodrigo De Paul tem 26 anos e foi no time italiano que conseguiu uma vaga na Seleção Argentina. Porém, ele pode mais e não “custaria muito” procurar uma nova equipe, na qual pudesse sonhar com Champions League e conquistas maiores.

2. Vinícius - o Vina (Ceará)

Miguel Schincariol/Getty Images
Miguel Schincariol/Getty Images

Vai uma assistência aí? O meio-campista Vinícius tem sido um dos destaques do futebol brasileiro na temporada, no entanto, o Ceará não o permite e ir além. Uma pena. Voa, Vina.

3. Wilfried Zaha (Crystal Palace)

Sebastian Frej/MB Media/Getty Images
Sebastian Frej/MB Media/Getty Images

É verdade que Zaha não conseguiu ter tanto protagonismo em seus períodos de Manchester United e que foi isso que o levou ao modesto Crystal Palace. Porém, hoje, ele está muito mais maduro e certamente poderia agregar muito a vários clubes do mundo.

4. Martín Benítez (Vasco)

Pedro Vilela/Getty Images
Pedro Vilela/Getty Images

Contratado (empréstimo) junto ao Independiente, da Argentina, Benítez caiu como uma luva no Vasco. Habilidoso e muito talentoso, o meio-campista tem potencial de sobra e pode muito mais, mas hoje acaba ficando limitado ao nível de seus companheiros. O Gigante da Colina vai conseguir mantê-lo?

5. Dominik Szoboszlai (RB Salburg)

David Geieregger/Getty Images
David Geieregger/Getty Images

Novo Cristiano Ronaldo? Szoboszlai apareceu muito bem para o futebol mundial e hoje o Red Bull Salzburgo ficou pequeno para ele. Cobiçado, o craque deve mesmo mudar de ares nos próximos meses.

6. Jack Grealish (Aston Villa)

Marc Atkins/Getty Images
Marc Atkins/Getty Images

Jack Grealish tem 25 anos e demorou mais do que o “comum” para explodir. Porém, ele vem bem desde a última temporada e o Aston Villa dificilmente vai conseguir segurá-lo por muito mais tempo. Tem muito potencial e sobra no time.

7. Tadeu (Goiás)

MB Media/Getty Images
MB Media/Getty Images

Em alta desde o ano passado, quando foi um dos melhores da posição no futebol brasileiro, o goleiro Tadeu deve ser muito grato ao Goiás, mas a verdade é que ele vai precisar dar um salto na carreira para sonhar com palcos maiores. Um paredão!

8. Iago Aspas (Celta de Vigo)

Quality Sport Images/Getty Images
Quality Sport Images/Getty Images

Outro atleta que não aproveitou a oportunidade que teve: Aspas. O atacante não foi bem no Liverpool, mas tem qualidade para atuar em um clube mais impactante do que o Celta de Viga de Eduardo Coudet. Seu momento, porém, pode ter passado.

9. Gatito Fernández (Botafogo)

Buda Mendes/Getty Images
Buda Mendes/Getty Images

O goleiro paraguaio Gatito Fernández chegou ao Botafogo em 2017 e, desde então, vem sendo um dos melhores da posição no Brasil. Porém, o Glorioso não colaborou com ele e não o deixou ir mais longe. Hoje, aos 32 anos, ele vê o seu futuro embaçado.