Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,69 (-0,69%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,56 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,95
    +0,65 (+0,89%)
     
  • OURO

    1.750,60
    +0,80 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    42.604,82
    +1.351,30 (+3,28%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,18 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,82 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.319,00
    +15,50 (+0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    +0,0306 (+0,49%)
     

70% das pessoas não têm reserva de emergência

·1 minuto de leitura
In this photo illustration the detail of the two hundred reais note and a few real coins, twenty-five cents. The Real is the current money in Brazil.
In this photo illustration the detail of the two hundred reais note and a few real coins, twenty-five cents. The Real is the current money in Brazil.
  • Guardar dinheiro ainda é uma dificuldade para os brasileiros

  • Um terço dos investidores não conseguiria ficar seis meses sem renda

  • Metade das pessoas não sabem o quanto precisam poupar para se aposentar

Uma das primeiras lições que aprendemos no campo da educação financeira é que todas as pessoas deveriam ter uma reserva de emergência. O valor, que idealmente deveria cobrir todos os gastos durante seis meses, seria um alento para momentos de desemprego ou imprevistos financeiros.

Leia também:

Apesar da importância da reserva, 67% dos investidores entrevistados pela Fiduc afirmaram que não tinham o valor guardado. Dos participantes do levantamento, apenas um terço conseguiriam ficar sem renda por um semestre inteiro sem passar necessidade.

Outros dados coletados pela pesquisa apontam que 54% dos investidores não sabem quanto precisavam guardar por mês para adquirirem liberdade financeira durante a aposentadoria. Desse total, apenas 15% disseram entender quanto precisavam poupar para manter um bom nível de vida no momento em que encerrassem a trajetória profissional.

Em um panorama geral, 43% dos participantes do estudo poupam de 10% a 30% do salário, enquanto 13% guardam mais de 30% e 31% não guardam dinheiro algum. Outros 13% dos entrevistados gastam mais dinheiro do que ganham.

Dos que reservam o dinheiro, 20% têm um objetivo claro, enquanto 12% guardam valores sem propósito. Em relação a adequação dos investimentos para realização de metas, mais da metade das pessoas não está nada confiante com a escolha realizada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos