Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.496,21
    -2.316,66 (-2,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.463,26
    -266,54 (-0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,91
    -0,59 (-0,65%)
     
  • OURO

    1.760,30
    -10,90 (-0,62%)
     
  • BTC-USD

    20.953,80
    -2.138,49 (-9,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    504,88
    -36,72 (-6,78%)
     
  • S&P500

    4.228,48
    -55,26 (-1,29%)
     
  • DOW JONES

    33.706,74
    -292,30 (-0,86%)
     
  • FTSE

    7.550,37
    +8,52 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,81 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.250,00
    -273,25 (-2,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1885
    -0,0253 (-0,49%)
     

63% dos brasileiros dizem não receber o suficiente e ter problemas financeiros

63% dos brasileiros dizem não receber o suficiente e ter problemas financeiros, de acordo com o Datafolha. Foto: Getty Images.
63% dos brasileiros dizem não receber o suficiente e ter problemas financeiros, de acordo com o Datafolha. Foto: Getty Images.
  • 63% dos brasileiros sentem restrição do poder de compra no lar, mostra o Datafolha;

  • Desses, 37% afirmam que o dinheiro familiar não é suficiente e às vezes até falta;

  • 26% dizem que recebem muito pouco e enfrentam dificuldades.

Pesquisa do Datafolha mostra que 63% dos brasileiros sentem restrição do poder de compra no lar. Desses, 37% afirmam que o dinheiro familiar não é suficiente e às vezes até falta. Enquanto isso, 26% dizem que recebem muito pouco e tem dificuldades.

O Datafolha escutou 2.556 brasileiros em 181 cidades nas últimas quarta-feira (22) e quinta-feira (23). A pesquisa, que tem margem de erro de dois pontos para mais ou menos, apresenta uma reversão no direcionamento identificado previamente.

Leia também:

O grupo de brasileiros que afirmava ter limitações orçamentárias no grupo familiar vinha diminuindo desde a alta de julho de 2016. Na época, 67% disseram ter problemas financeiros no lar. Há um ano, esse número havia caído para 55%.

Em junho de 2021, a quantidade de pessoas que declarava receber muito pouco ainda crescia, chegando a 25%.

Contudo, o contingente de brasileiros que afirmava não ganhar o suficiente, vendo inclusive o faltar dinheiro, estava em queda, alcançando 30%.

Durante esse período, 39% declaravam que recebiam o valor necessário para sobreviver. Atualmente, esses brasileiros caíram para 32%.

O Datafolha aponta que a situação é pior para quem tem a renda familiar de até dois salários mínimos: 81% afirmam enfrentar limitações financeiras.

Desse número, 42% dizem que a renda familiar não é suficiente e às vezes falta dinheiro. Enquanto isso, 39% alegam que recebem muito pouco e enfrentam dificuldades.

*Com informações do Jornal Folha de S. Paulo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos