Mercado fechará em 3 mins

6 empresas que adotaram o home office para sempre após a pandemia

Mariana Naviskas
·2 minutos de leitura

Uma só medida que aumenta produtividade, diminui custos e deixa funcionários mais felizes. Impossível? O isolamento social mostrou que é mais simples do que parece.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

A pandemia obrigou muita gente a trabalhar de casa e uma pesquisa americana descobriu que 86% das pessoas preferem continuar assim.

Veja também

Para atender à demanda e ainda economizar no aluguel, contas e transporte, muitas já decidiram manter o teletrabalho após a pandemia. Conheça seis:

1. Twitter

A empresa foi pioneira e em maio já havia optado pelo home office permanente. O CEO Jack Dorsey acredita que a medida preserva a saúde dos funcionários e ainda aumenta o bem estar a longo prazo.

2. Petrobras

Metade da equipe administrativa da empresa poderá optar pelo trabalho remoto permanente. A empresa ainda estuda a decisão, mas uma das ideias é manter escritórios inteligentes, com mesas compartilhadas, para uso esporádico quando o funcionário precisar.

3. XP Inc.

Em junho a companhia anunciou possibilidade de home office permanente e horários flexíveis, com disponibilização de todos os equipamentos necessários. E também a construção de uma nova sede “moderna e sustentável” no interior paulista, um local para convivência, eventos e também lazer.

4. LafargeHolcim

A multinacional suíça de materiais de construção já colocou seus 1,5 mil funcionários em trabalho remoto permanente e espera economizar R$ 2 milhões ao ano com a medida

5. BRQ Digital Solutions

A empresa de tecnologia optou pelo home office permanente após descobrir que 50% dos funcionários sentiam-se mais produtivos em casa e que 72% pensam ter mais qualidade de vida assim.

6. Xerpay

A plataforma de serviços financeiros Xerpay descobriu que 94% de seus funcionários sentiu-se mais produtivo no home office. Por isso, permitirá tanto o trabalho no escritório como o remoto total ou parcial, à escolha do funcionário e com benefícios diferenciados.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube