Mercado abrirá em 4 h 27 min
  • BOVESPA

    108.376,35
    -737,80 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.006,11
    +197,55 (+0,44%)
     
  • PETROLEO CRU

    77,93
    -0,57 (-0,73%)
     
  • OURO

    1.630,80
    -5,40 (-0,33%)
     
  • BTC-USD

    18.746,43
    -1.453,89 (-7,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    428,88
    -30,26 (-6,59%)
     
  • S&P500

    3.647,29
    -7,75 (-0,21%)
     
  • DOW JONES

    29.134,99
    -125,82 (-0,43%)
     
  • FTSE

    6.880,58
    -104,01 (-1,49%)
     
  • HANG SENG

    17.250,88
    -609,43 (-3,41%)
     
  • NIKKEI

    26.173,98
    -397,89 (-1,50%)
     
  • NASDAQ

    11.221,50
    -112,25 (-0,99%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1186
    -0,0413 (-0,80%)
     

6 bilionários que fizeram fortuna com o mercado de games

·4 min de leitura
Games: Parte do patrimônio de Bill Gates (13%) é oriundo da Microsoft, a gigante de software cofundada por ele em 1975. REUTERS/Stringer (MEXICO)
Games: Parte do patrimônio de Bill Gates (13%) é oriundo da Microsoft, a gigante de software cofundada por ele em 1975. REUTERS/Stringer (MEXICO)

A indústria global de games é um segmento bilionário. Atualmente, vale mais que o mercado da música e cinema juntos, ostentando o posto de indústria mais lucrativa do entretenimento.

No ano passado, o mercado de jogos eletrônicos movimentou US$ 175,8 bilhões (R$ 827,5 bilhões na cotação atual), de acordo com os dados divulgados pela consultoria Newzoo. Apesar do montante representar uma pequena queda de -1,1% em relação a 2020, as expectativas são promissoras. A consultoria estima que até 2023, a indústria de games irá movimentar US$ 200 bilhões (R$ 941,4 bilhões).

O crescimento fora da curva visto em 2020 ocorreu devido ao aumento de players durante o primeiro ano da pandemia do coronavírus. O mercado cresceu 23,1%, um recorde registrado pela Newzoo. O número de usuários chegou a 2,69 bilhões em todo o mundo. A maior parcela de jogadores estão localizados na China, que é também o país de grandes empresas do segmento.

Sendo uma indústria que movimenta bilhões de dólares anualmente, é de imaginar que os criadores e fundadores das empresas mais relevantes fizeram fortuna.

De acordo com a revista Forbes, conheça a seguir 6 bilionários do mercado de games online e jogos eletrônicos:

  1. Bill Gates

  2. William Lei Ding

  3. Kwon Hyuk-Bin

  4. Forrest Li

  5. Gabe Newell

  6. Gang Ye

Bill Gates

Em 2021, a Xbox bateu recorde de receita com US$ 16,28 bilhões (R$ 76,63 bilhões), o que tornou o ano como o melhor da história para a empresa. Jeff J Mitchell/Pool via REUTERS
Em 2021, a Xbox bateu recorde de receita com US$ 16,28 bilhões (R$ 76,63 bilhões), o que tornou o ano como o melhor da história para a empresa. Jeff J Mitchell/Pool via REUTERS

Bill Gates está entre as 5 pessoas mais ricas do mundo com uma fortuna de US$ 132,9 bilhões (R$ 625,6 bilhões). Parte desse patrimônio (13%) é oriundo da Microsoft, a gigante de software cofundada por ele em 1975. Apesar de a companhia ter feito tanto sucesso com sistemas operacionais voltados para negócios e uso pessoal, ela também é uma das principais desenvolvedoras de videogames do mundo graças ao Xbox. Em 2021, a Xbox bateu recorde de receita com US$ 16,28 bilhões (R$ 76,63 bilhões), o que tornou o ano como o melhor da história para a empresa.

William Lei Ding

A fortuna de William Lei Ding é de US$ 30,1 bilhões (R$ 141,6 bilhões), o que o coloca entre as 100 pessoas mais ricas do mundo. (Photo by Zhang Peijian/VCG via Getty Images)
A fortuna de William Lei Ding é de US$ 30,1 bilhões (R$ 141,6 bilhões), o que o coloca entre as 100 pessoas mais ricas do mundo. (Photo by Zhang Peijian/VCG via Getty Images)

William Lei Ding é o fundador da gigante chinesa de internet NetEase e foi o primeiro bilionário de games da China. Além de lançar jogos próprios localmente, a empresa se associou a Activision Blizzard para distribuir games como World of Warcraft e Hearthstone na China. A Netease também é licenciada exclusiva da Minecraft no país.

A fortuna de William Lei Ding é de US$ 30,1 bilhões (R$ 141,6 bilhões), o que o coloca entre as 100 pessoas mais ricas do mundo.

Kwon Hyuk-Bin

Desde a sua fundação em 2002, a SmileGate cresceu e hoje é uma importante companhia de games na Coréia do Sul. A empresa fundada por Kwon Hyuk-Bin tem como maior sucesso o CrossFire, um dos jogos de tiro online mais populares do mundo.

A fortuna acumulada ao longo dos anos com o crescimento da empresa é de US$ 6,8 bilhões (R$ 32 bilhões), o que faz de Kwon Hyuk-Bin um bilionário da indústria dos jogos eletrônicos.

Forrest Li

Forrest Li tem um patrimônio de US$ 6,4 bilhões (R$ 30,1 bilhões).October 20, 2017. REUTERS/Brendan McDermid
Forrest Li tem um patrimônio de US$ 6,4 bilhões (R$ 30,1 bilhões).October 20, 2017. REUTERS/Brendan McDermid

Cofundador da Garena, empresa que comprou os direitos do Free Fire em 2017, Forrest Li tem um patrimônio de US$ 6,4 bilhões (R$ 30,1 bilhões). O game Free Fire está entre os cinco mais baixados na loja do Google e da Apple e em 2020 ultrapassou 80 milhões de usuários ativos e lucrou mais de US$ 1 bilhão (R$ 4,7 bilhões) em receita.

Gabe Newell

Gabe Newell gerencia a Valve Corporation, a criadora de algumas das franquias mais icônicas da história recente de jogos dos EUA, incluindo Half-Life, Portal e Left for Dead. Ela também é uma das maiores distribuidoras de jogos para computador, graças a sua plataforma Steam.

A fortuna do americano é de US$ 3,9 bilhões (R$ 18,3 bilhões).

Gang Ye

Gang Ye fundou a Garena em conjunto com o bilionário Forrest Li. Formado em Ciência da Computação e Economia pela Carnegie Mellon University, Ye é um dos responsáveis pela popularização do Free Fire com o lançamento em 2017 do Garena Free Fire que alavancou o crescimento da empresa.

A fortuna de Gang Ye é de US$ 3,8 bilhões (R$ 17,8 bilhões).