Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.417,13
    -106,31 (-0,19%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

6 aplicativos que podem deixar seu celular lento

·6 min de leitura

Seu celular está mais lento? Existem vários motivos que podem explicar essa situação. Um deles envolve os aplicativos instalados no seu aparelho, seja por mau funcionamento ou pelo consumo de muitos recursos durante o cotidiano, como a memória RAM e a bateria.

A atuação de aplicativos em segundo plano é uma causa comum para a lentidão do celular. Afinal, desse modo, os apps consomem recursos do celular mesmo quando não estão sendo usados. Existem opções que são raramente abertas durante o dia, mas continuam com processos em execução e consomem a memória RAM. Há, também, ferramentas usadas com frequência, como apps de localização ou redes sociais, mas que exigem muitas funcionalidades do seu celular.

Portanto, deletar esses apps não é a única solução: os sistemas operacionais disponibilizam funções para limitar o funcionamento em segundo plano e o acesso a recursos do aparelho. Veja, a seguir, algumas categorias de aplicativos que podem deixar o seu celular mais lento com o tempo.

1. Aplicativos de limpeza

A proposta dos aplicativos de limpeza no sistema é muito interessante: essas ferramentas fazem uma varredura no seu aparelho e identificam arquivos pesados, apps pouco utilizados e outras maneiras de melhorar o desempenho do seu celular. No entanto, o próprio funcionamento desses aplicativos pode deixar o seu aparelho mais lento.

Aplicativos ajudam a remover arquivos, mas podem deixar seu celular lento com o uso (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Aplicativos ajudam a remover arquivos, mas podem deixar seu celular lento com o uso (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Essas varreduras contínuas fazem com que o aplicativo seja executado em segundo plano com frequência, consumindo recursos de memória RAM e da bateria do seu aparelho. Dessa forma, apesar de informar sugestões sobre arquivos que podem ser removidos, o aplicativo tem um impacto no seu uso diário e pode causar lentidão.

Além disso, alguns aplicativos de limpeza presentes nas lojas de apps podem trazer malwares para seu celular, portanto é importante ter muito cuidado na escolha. Uma alternativa para essa situação envolve utilizar os recursos nativos do Android e iOS para detectar arquivos pesados e fazer a limpeza manualmente. No Android, é possível baixar o Google Files (Android), com sugestões automáticas.

2. Redes sociais

A sua rede social favorita também pode ser um dos motivos para a lentidão do seu celular. Apps como Facebook (Android | iOS), Instagram (Android | iOS), TikTok (Android | iOS) e Twitter (Android | iOS) são ferramentas que exigem muitos recursos do seu aparelho e estão sempre buscando por atualizações para seu feed, mesmo quando não estiver usando-os. Dessa forma, o desempenho pode ser afetado.

Apps de redes sociais consomem recursos do seu celular (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Apps de redes sociais consomem recursos do seu celular (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Esses aplicativos também solicitam muitas permissões do seu aparelho para um melhor funcionamento, mas podem resultar em lentidão. É o caso do uso da localização, por exemplo: caso mantenha a função ativa para as suas redes sociais, os respectivos aplicativos estarão consumindo a bateria e a memória RAM do seu aparelho a todo momento. Além disso, é comum que esses apps tragam funções que afetem o desempenho, como o feed continuo e a reprodução automática de vídeos.

Não se preocupe: você não precisará parar de usar as redes sociais no seu celular. Existem alternativas como o uso pelos navegadores ou o download de uma versão “Lite” dos aplicativos, desenvolvida para ocupar menos espaços e com funções limitadas para poupar recursos. Além disso, você pode alterar as permissões de acesso à localização para cada app.

3. Bloatwares

Mesmo sem baixar nenhum aplicativo de terceiros, seu celular já possui alguns softwares que podem deixá-lo mais lento. São os chamados “bloatwares”, aplicativos instalados na configuração de fábrica do seu aparelho e raramente utilizados. Os bloatwares podem incluir plugins para seu celular ou aplicativos de câmera, galeria e gerenciamento de documentos.

Aplicativos pré-instalados consomem a memória RAM do aparelho (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Aplicativos pré-instalados consomem a memória RAM do aparelho (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

É muito comum que esses apps sejam executados em segundo plano no seu aparelho. Com o tempo, os bloatwares causam impacto no consumo da memória RAM e contribuem com a lentidão durante o uso.

Infelizmente, não é possível fazer muitas coisas a respeito dos bloatwares. No caso do iOS, é possível desinstalar e reinstalar aplicativos nativos. No Android, não é possível removê-los sem root, o que causa na perda da garantia de fábrica do seu aparelho. O sistema operacional permite desabilitar esses aplicativos, mas reforça que essa decisão pode impactar o funcionamento do celular.

4. Aplicativos de navegação por GPS

O uso contínuo dos serviços de localização do seu aparelho já foi mencionado anteriormente. Portanto, é inevitável que aplicativos de navegação, como Google Maps (Android | iOS) e Waze (Android | iOS), façam parte de uma categoria que consome muitos recursos do aparelho, tornando-o mais lento.

Google Maps, à esquerda, e Waze, à direita, são aplicativos que podem causar lentidão (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Google Maps, à esquerda, e Waze, à direita, são aplicativos que podem causar lentidão (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Na configuração inicial, esses aplicativos solicitam o acesso à sua localização, com opção de uso durante todo o tempo. Essa opção é sugerida para que o aplicativo traga atualizações em tempo real e informe a sua posição com precisão, mas consome a sua bateria com frequência e executa os apps em segundo plano. Além disso, usar os apps para acompanhar uma rota em tempo real consome muitos recursos, o que pode afetar o uso de outros apps durante esse momento.

Existem muitas pessoas que utilizam esses apps com frequência no cotidiano, especialmente durante o trabalho. Nesses casos, é recomendável fazer uma limpeza em outros aplicativos do seu celular para não afetar o desempenho. Se você não usa essas ferramentas de forma contínua, uma opção é configurar a permissão de acesso à localização apenas enquanto estiver com o aplicativo aberto.

5. Jogos

Os jogos também podem sobrecarregar o seu celular, deixando-o mais lento. Antes de baixar um novo título no seu aparelho, é recomendável conferir os requisitos mínimos para verificar se o seu celular consegue executá-lo sem muitos problemas.

Verifique seus jogos instalados (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Verifique seus jogos instalados (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

São vários recursos consumidos, desde memória RAM, bateria, espaço de armazenamento e até dados móveis, em jogos online. Portanto, não se assuste ao notar o seu celular mais lento e mais aquecido após uma jogatina.

Os games para celulares também são aplicativos que causam um impacto direto no espaço de armazenamento do aparelho. Com as constantes atualizações, é comum que o seu jogo preferido ocupe mais espaço do que o arquivo instalável nas lojas de apps.

6. Aplicativos desatualizados

Baixar a atualização mais recente é um dos métodos mais comuns para resolver problemas em aplicativos. Portanto, se algum app específico estiver mais lento do que o normal, vale a pena conferir a App Store ou a Google Play Store em busca de uma possível versão atualizada.

Mantenha seus apps atualizados para evitar problemas (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)
Mantenha seus apps atualizados para evitar problemas (Imagem: André Magalhães/Captura de tela)

Normalmente, as atualizações são lançadas para corrigir bugs, aumentar a segurança do aplicativo e reparar algumas falhas. Ao utilizar uma versão desatualizada do app, há a possibilidade de exposição a esses erros no software, podendo prejudicar o desempenho e deixar o celular mais lento.

As lojas de aplicativo no Android e iOS oferecem recursos para instalar atualizações de forma automática. Caso não tenha essa opção ativada, basta buscar pelo aplicativo manualmente nas respectivas lojas e fazer o download.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos