Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.093,88 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,94 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,26 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.802,10
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    33.210,04
    +964,52 (+2,99%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,20 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,86 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    +162,75 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

5G deve chegar a 1 bilhão de conectados em 2022, prevê relatório

·2 minuto de leitura

Enquanto a GSM Association prevê que as conexões 5G chegarão a 20% do total em 2025, um relatório da firma de consultoria CCS Insight avalia que a popularização da tecnologia será ainda maior, atingindo 25% das conexões daqui a cinco anos. Antes disso, a barreira de um bilhão de conexões será alcançada já em 2022.

China seguirá liderando a adoção do 5G (imagem: CCS Insights/reprodução)
China seguirá liderando a adoção do 5G (imagem: CCS Insights/reprodução)

Apesar de as redes de nova geração estarem disponíveis atualmente em apenas 17 países, a consultoria prevê uma forte recuperação do mercado de celulares já em 2021, após uma queda estimada em 13% neste ano, alavancando a tecnologia 5G.

A popularização do 5G deve ser impulsionada não apenas pelos países onde a tecnologia chegará, como também pelo lançamento de celulares cada vez mais acessíveis compatíveis com a nova geração.

Fabricantes como a MediaTek, Samsung e Qualcomm se encontram em uma competição silenciosa para oferecer mais e mais processadores 5G em suas linhas de entrada. Alguns componentes, caso do Dimensity 820 e do Exynos 880, já foram anunciados em celulares intermediários que devem chegar em breve às lojas.

“Nós veremos os preços dos aparelhos compatíveis [com o 5G] caírem mais rápido do que o esperado, uma tendência que será fundamental em tornar o 5G mais acessível para mais pessoas”, disse a vice-presidente da CCS Insight, Marina Koytcheva.

A nova geração de telefonia móvel deve ser impulsionada especialmente na China, casa da Huawei, onde a consultoria prevê que as conexões 5G ultrapassem a marca do bilhão em 2024. Em 2020, a CCS prevê que o número de aparelhos 5G no país supere os 100 milhões.

Apesar do cenário otimista para os smartphones, a tão falada promessa do 5G para o mercado IoT (Internet das Coisas) deve ser impactada, de acordo com a análise da consultoria, especialmente entre as implementações pensadas para as “cidades inteligentes”, enquanto governos e empresas se adaptam e reagem aos efeitos negativos da pandemia da COVID-19.

Fonte: Canaltech

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos