Mercado fechará em 3 h 11 min
  • BOVESPA

    121.316,80
    +610,89 (+0,51%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.218,97
    +389,66 (+0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,15
    +1,33 (+2,08%)
     
  • OURO

    1.837,90
    +13,90 (+0,76%)
     
  • BTC-USD

    50.855,97
    +2.042,85 (+4,19%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.420,35
    +61,79 (+4,55%)
     
  • S&P500

    4.169,34
    +56,84 (+1,38%)
     
  • DOW JONES

    34.341,05
    +319,60 (+0,94%)
     
  • FTSE

    7.043,61
    +80,28 (+1,15%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.353,25
    +253,00 (+1,93%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3815
    -0,0310 (-0,48%)
     

5 erros para evitar na fotografia com smartphone

Redação
·4 minuto de leitura

Ao começar numa atividade nova, o medo de errar demais e acabar frustrado pela experiência negativa é normal. Mas assim como qualquer outra coisa na vida, a fotografia é um processo que melhora a cada vez que praticamos aquilo que aprendemos, entendendo os passos necessários para se alcançar um bom resultado.

Por isso, neste artigo vou abordar os cinco erros mais cometidos na fotografia com smartphones e como fazer para evitá-los, melhorando assim a sua experiência e seu aprendizado com a fotografia.

Fotografia é luz

O primeiro erro é justamente não entender o impacto da luz na fotografia. O significado da palavra fotografia inclusive é “escrever com a luz”, então se você não prestar atenção na direção e no tipo da luz, suas fotos podem acabar estranhas.

O sol é a nossa fonte mais abundante de luz, e sua posição no céu vai influenciar as suas imagens de maneiras diferentes ao longo do dia. E quando se trata de fotografar a noite, a atenção deve ser ainda maior, pois por mais que a luz artificial pareça agradável aos nossos olhos, o smartphone pode ter problemas em captá-la.

O ângulo certo faz toda a diferença

O segundo erro é um dos mais cometidos, e é um fator de diferenciação entre fotos comuns e fotos criativas: fotografar sempre na altura dos olhos.

Além do ângulo da altura dos olhos, existem pelo menos mais três ângulos que você pode explorar para criar um impacto diferente em suas imagens:

De baixo para cima: fotos usando este ângulo vão evidenciar a altura de elementos verticais. Ao fazer a foto de um prédio por exemplo, ele parece bem maior do que é, e pode ser potencializado com o uso da câmera Ultra Grande Angular, caso seu smartphone tenha uma.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.


De cima para baixo: diferente da sugestão anterior, esse ângulo faz as coisas parecerem menores do que são, quase como se você estivesse fotografando miniaturas. No exemplo abaixo, ele dá uma sensação de “vertigem” por passar uma impressão bem mais ampla do ambiente e também pode ser potencializado pelo uso da câmera Ultra Grande Angular.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Na linha do chão: este ângulo pode ser para brincar com a percepção do seu espectador, dependendo de onde você determine o foco. Você pode colocar o foco em primeiro plano enquanto o fundo permanece desfocado ou focar no segundo plano e deixar o primeiro como um caminho que direciona o olhar, como no exemplo abaixo.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Mostre que a sua foto é mais do que uma simples imagem

O terceiro erro geralmente é cometido de maneira inconsciente. Afinal, em muitas situações simplesmente fotografamos algo bonito que vemos, sem um planejamento anterior de querer mostrar algo específico. Mas e se a sua foto pudesse ser mais que uma simples imagem? Por isso, o erro aqui é não pensar na história que sua foto transmite.

Um exemplo bem prático: se a foto não tivesse legenda, você ainda saberia que um casal está feliz por esperar um filho por conta dos elementos na imagem. Ou seja, a história é contada quando você permite que as pessoas entendam o que acontece na cena só de olhar para ela.

Saiba do que o seu smartphone é capaz

Se você quer extrair o máximo do seu smartphone e fazer fotos melhores, não entender como funcionam os ajustes é um erro que impacta o seu desempenho.

A maioria dos smartphones com sistema operacional Android traz em seus aplicativos nativos de câmera um modo manual, também chamado de PRO, que te dá acesso aos controles manuais. Com eles, é possível alterar o ISO, a velocidade do obturador, o balanço de branco e outras funcões para criar fotos que o modo automático não permite fazer.

Conhecimento é poder

Sem dúvida, um dos principais erros na fotografia é negligenciar a importância dos estudos e não se capacitar. Você pode buscar o conhecimento de duas formas: com conteúdos gratuitos e pagos. No ramo dos conteúdos gratuitos, você tem diversos blogs de fotógrafos renomados e perfis nas redes sociais que ensinam sobre as técnicas básicas e comentam sobre notícias relevantes do mundo da fotografia. Além disso, você pode baixar conteúdos gratuitos bem completos como o eBook “10 Dicas de Fotografia com Smartphone”, que é um guia rápido que criei junto com o Canaltech, para você melhorar a experiência com a câmera do seu celular, e tirar boas fotografias como resultado para postar nas redes sociais, registrar um momento importante ou divulgar um produto.

Quer mais dicas de fotografia?

Baixe o ebook gratuito agora mesmo: 10 dicas de fotografia com Smartphone

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: