Mercado fechado

41% dos brasileiros dão prioridade para meios de pagamento digitais

Com a chegada do PIX, os brasileiros estão mais abertos para novas tecnologias de pagamento. A plataforma de tecnologia financeira, Ayden, em parceria com a KPMG, realizou um estudo com 2 mil pessoas no Brasil, em que 41% dos entrevistados não utilizam mais dinheiro ou cartões físicos.

Acompanhando a evolução do comércio eletrônico, impulsionada pela pandemia, os métodos de pagamento precisaram se digitalizar. Alguns dos mais comuns, utilizados pelos brasileiros, são os pagamentos por aproximação — seja via cartão, celular ou smartwatch —, além do PIX, carteiras digitais e links de pagamento.

Para Maria Isabel Noronha, VP de contas da Adyen, esses dados corroboram com outras informações adquiridas pelo relatório, em que 83% dos brasileiros dizem que passaram a usar mais aplicativos de compras durante o período de isolamento social. "Isso fez com que os pagamentos online, direto no app, aumentassem, levando mais segurança na hora de pagar e facilidade em todo o processo", comenta.

Os meios de pagamento digitais fizeram a circulação do dinheiro em espécie diminuir no Brasil (Imagem: Reprodução/Mobile World Live)
Os meios de pagamento digitais fizeram a circulação do dinheiro em espécie diminuir no Brasil (Imagem: Reprodução/Mobile World Live)

Negócios devem se às tendências de consumo dos clientes

Com a transformação digital no comércio, é preciso que lojistas se atentem às tendências de consumo. Segundo o estudo, cerca de 66% dos entrevistados acham que os varejistas devem aderir aos meios de pagamento digitais em suas lojas físicas para uma melhor experiência.

Os clientes ainda pedem mais flexibilidade, em que 61% acreditam que os negócios devem oferecer a possibilidade de realizar compras através de canais digitais, além das lojas físicas, oferecendo entrega domiciliar e a oportunidade de trocar um produto que foi adquirido online presencialmente.

Por fim, 52% dos consumidores apontam que desistiram de comprar por não poderem utilizar seu meio de pagamento preferencial. Sendo assim, é importante que os empreendedores ofereçam opções de pagamento variadas.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: