Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.282,28
    +2.032,55 (+1,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.338,34
    +510,21 (+1,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,36
    +0,13 (+0,18%)
     
  • OURO

    1.763,50
    -15,30 (-0,86%)
     
  • BTC-USD

    43.577,33
    +1.362,58 (+3,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.095,01
    +54,53 (+5,24%)
     
  • S&P500

    4.395,64
    +41,45 (+0,95%)
     
  • DOW JONES

    34.258,32
    +338,48 (+1,00%)
     
  • FTSE

    7.083,37
    +102,39 (+1,47%)
     
  • HANG SENG

    24.726,64
    +505,10 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.214,00
    +50,50 (+0,33%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2088
    0,0000 (0,00%)
     

10 sinais que indicam que você precisa fazer terapia

·5 minuto de leitura

Não há como negar que todos passamos por momentos de estresse, irritação, alteração de humor, entre outras questões mentalmente exaustivas. Tudo isso pode ser provocado pelos mais diversos fatores, como relacionamentos, família, trabalho e dinheiro. Por serem fatores importantes da vida do ser humano, fazer terapia é uma ótima saída.

Quando uma pessoa precisa dar mais atenção ao que ela está passando e sentindo, precisa entender a necessidade de buscar tratamento com um psicólogo. Então, é ideal que o indivíduo esteja ciente de quais são esses sinais para saber qual é o momento de pedir ajuda, e qual o melhor tipo de terapia para cada caso.

Antes de descobrir quais são esses sinais, precisamos entender o que é a terapia, ou psicoterapia, quebrando o estigma de que somente pessoas com transtornos mentais precisam fazer. A terapia pode ser benéfica para quem está passando por fases difíceis da vida, ou que simplesmente pretende ter uma qualidade de vida melhor. Nas consultas, o paciente consegue estar em um lugar seguro e sem julgamentos, se sentindo à vontade para desabafar e explorar opções para lidar com as dificuldades da vida.

<em>Imagem: Reprodução/Freepik</em>
Imagem: Reprodução/Freepik

Confira, então, 10 sinais que podem indicar que você está precisando de terapia:

10. Está lutando para manter relacionamentos

A saúde mental também pode afetar o nosso relacionamento com a família, amigos e companheiros, gerando insegurança, insatisfação e distanciamento. A dificuldade de manter esses contatos pode ser um sinal bastante claro de que a pessoa está precisando da ajuda de um psicólogo para entender o que está acontecendo, além de ajudar a manter as suas habilidades sociais necessárias, ou para amenizar o sentimento de solidão.

9. Dificuldade de controlar as emoções

Se você vem percebendo que as suas emoções estão muito intensas, sejam elas de tristeza, ansiedade ou irritação, é preciso se atentar à frequência. A raiva, por exemplo, pode ser um sintoma de depressão, que pode acabar sendo ignorado pelas pessoas acreditarem ser apenas algo do próprio temperamento. Você não precisa enfrentar isso sozinho e a busca por ajuda é essencial.

8. Sentimento de luto

Divórcios, términos de namoro ou morte de uma pessoa querida pode provocar um sentimento de luto prolongado, deixando o processo de adaptação ainda mais doloroso. Com a ajuda da psicoterapia, é possível lidar melhor com a situação, aprendendo a assimilar o acontecimento da melhor forma possível e descobrindo maneiras de se reerguer de maneira segura.

<em>Imagem: Reprodução/pressfoto/Freepik</em>
Imagem: Reprodução/pressfoto/Freepik

7. Alterações na fome e no sono

Pessoas que estão batalhando para uma melhor saúde mental sentem o impacto no sono e na alimentação. A ansiedade, por exemplo, pode levar ao consumo compulsivo de alimentos e noites sem sono, enquanto pessoas em um estado depressivo se alimentam pouco e dormem bastante. Então, se você está identificando algum desses sintomas no seu dia a dia, talvez seja a hora de procurar um terapeuta.

6. Traumas

Pessoas que passaram por algum tipo de trauma na vida, como abusos físicos e psicológicos, por exemplo, precisam da ajuda profissional Com as conversas, o paciente se sente à vontade para falar sobre o acontecido e quais foram sequelas que a experiência traumática deixou, aprendendo a superá-las e conseguir seguir a vida sem associar outros momentos aos traumas.

5. Desenvolvimento de vícios

Quando uma pessoa está sofrendo de algum estresse emocional, é comum que ela se apegue às substâncias que podem provocar o vício. Isso acontece porque álcool, drogas, ou até mesmo o sexo, podem provocar sensações temporárias de bem-estar, aliviando o estresse e os pensamentos negativos. Ao procurar a ajuda de um psicoterapeuta, a pessoa pode se sentir segura para falar dos vícios e descobrir a melhor forma de se sentir bem sem eles.

4. Saúde física prejudicada

A saúde mental afeta diretamente a saúde física, prejudicando os sistemas cardiovasculares, neurológicos, imunológicos e endócrinos. Então, uma pessoa que está lutando contra a ansiedade e depressão, por exemplo, pode apresentar sintomas como dores de cabeça, fadiga, inflamações, entre outros. Então, não basta apenas procurar um médico especializado em cada sintoma se a saúde mental está sendo deixada de lado.

<em>Imagem: Reprodução/Arif Riyanto/Unsplash</em>
Imagem: Reprodução/Arif Riyanto/Unsplash

3. Não vê mais graça no que gostava antes

Um grande sinal de que a pessoa está precisando de terapia é não sentir mais prazer em atividades que antes gostava, sejam elas exercícios físicos ou lazer, por exemplo. Essa perda de interesse pode ser um sintoma de trauma, depressão, entre outros distúrbios que afetam a qualidade de vida. Optando pela terapia, o paciente descobre o que está fazendo ele se afastar do que gosta e voltar a ter prazer no que antes dava alegria.

2. Dificuldades no estudo e trabalho

Pessoas que estão lidando com questões emocionais sentem dificuldade em se concentrar no trabalho e no estudo, e não conseguem dar o melhor de si. Isso acontece porque os distúrbios são capazes de afetar a atenção, concentração, energia e memória, resultando em falta de interesse e erros constantes. Em muitos casos, é preciso buscar a ajuda de terapeutas para descobrir o que pode estar causando isso e como voltar à entrega normal.

1. Uma melhor versão de si mesmo

Ainda que você não esteja enfrentando nada muito pontual que possa ser ajudado com a terapia, muitas pessoas buscam por essa ajuda para encontrarem uma melhor versão delas mesmas, mas não sabem o que fazer e muito menos por onde começar. Com essa ajuda, o paciente consegue não só melhorar a própria qualidade de vida, como também de quem está ao redor.

Como fazer terapia?

Clínicas particulares podem acabar cobrando valores que não são acessíveis a todos, e nestes casos as pessoas acabam recorrendo a planos de saúde ou algum programa social de sua cidade e estado. Você pode buscar por ajuda psicológica também em universidades, que disponibilizam estudantes para a prática da psicoterapia, sendo então um desenvolvimento mútuo. Existem ainda serviços online que podem ser mais acessíveis e viáveis para a sua rotina.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos