Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.620,96
    +130,85 (+0,24%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

As 10 séries mais assistidas da semana (14/11/2021)

·9 min de leitura

O feriado já entrou em sua reta final, mas nunca é tarde para iniciar uma nova maratona. E se você está em dúvida sobre o que assistir, a lista de séries mais assistidas da semana pode ajudá-lo a descobrir algo novo para acompanhar — até porque tivemos várias novidades pintando nos streamings no Brasil.

O grande destaque foi a chegada de Fringe à HBO Max. O seriado é uma espécie de sucessor espiritual de Arquivo X e brinca muito bem com conceitos científicos misturados a fenômenos inexplicáveis vindos de outro mundo. Tudo isso já tinha feito da série um sucesso cult quanto foi exibida na TV por aqui e, agora, os fãs podem conferir a trama com calma via streaming.

Outro clássico da era de ouro das séries que retornou fazendo muito barulho foi Dexter. A história do "serial killer do bem" ganhou uma sequência e isso fez os velhos fãs revisitarem as temporadas originais — ou atraiu um público que ainda não tinha conferido essa história.

Além disso, também tivemos a tão esperada chegada de Liga da Justiça ao streaming. A animação do início dos anos 2000 era algo que os fãs dos super-heróis da DC aguardavam para conferir há anos, já que os episódios nunca estiveram disponíveis em nenhuma plataforma e era quase impossível encontrá-los em DVD no mercado. Assim, o anúncio da HBO Max de que todas as temporadas já estão disponíveis fez o pessoal revisitar as aventuras dos heróis mais famosos do mundo.

Vale lembrar que ainda não existe uma ferramenta oficial que faça essa medição de audiência de filmes nos serviços de streaming e vídeo sob demanda e que a melhor forma de fazer essa aferição é a partir do JustWatch, uma plataforma que ajuda os usuários a encontrarem o que assistir e em que streaming o conteúdo está disponível.

Então, com base nesses dados, chegamos a um ranking aproximado de quais foram as séries mais assistidas na semana no Brasil.

10. Only Murders on the Building

Com personagens extremamente carismáticos, Only Murders in the Building é um dos maiores sucessos do Star+ em sua estreia no Brasil. Estrelado por Selena Gomez, Steve Martin e Martin Short, a comédia conta a história de três desconhecidos que se veem envolvidos em um crime no meio de Nova York. A partir da misteriosa morte de um vizinho, eles precisam encarnar os detetives e descobrir o que aconteceu.

O destaque aqui é a química dos atores, que faz com que essa mistura um tanto quanto inusitada de elenco funcione tão bem a ponto de prender o espectador episódio por episódio.

Only Murders in the Building é uma série exclusiva do Star+.

9. Liga da Justiça

A Liga da Justiça já ganhou diversas adaptações ao longo dos anos, mas nenhuma delas se tornou tão memorável quanto o desenho lançado no início dos anos 2000. Produzida pela dupla Bruce Timm e Paul Dini — que já tinham feito um excelente trabalho com Batman e Superman —, a animação trouxe todo o clima dos quadrinhos para as telas com aventuras bastante variadas e que respeitavam bem a essência de cada um dos seus personagens. E tudo isso sem abrir mão da diversão.

A fórmula deu tão certo que, rapidamente, a equipe criativa percebeu que a estrutura que eles criaram não ia dar conta, o que fez com que Liga da Justiça tivesse que ser cancelada, com apenas duas temporadas, para a criação de um desenho que desse continuidade a essa história e abrangesse toda a grandiosidade da DC, como foi Liga da Justiça: Sem Limites. Não à toa, as duas animações já são consideradas clássicas em todo o mundo, inclusive no Brasil, onde foram reprisadas à exaustão.

Assim, quem quiser acompanhar essas primeiras aventuras do supergrupo, pode conferir Liga da Justiça na HBO Max.

8. Doctor Who

Uma das séries mais clássicas de ficção-científica, Doctor Who transita surpreendentemente bem entre a galhofa e o genial. A história do alienígena carismático que viaja pelo espaço-tempo a bordo de uma cabine telefônica policial que é muito maior por dentro do que por fora é uma das produções mais icônicas da TV britânica e ganhou uma nova legião de fãs nas suas temporadas mais recentes.

Isso ajudou a dar nova vida ao seriado, que caminha para seu aniversário de 60 anos de criação. Parte do segredo dessa longevidade impressionante é a facilidade com que a história se reinventa, transformando seu protagonista a cada nova temporada e usando a troca de elenco como parte fundamental da trama. Seja um jovem galã, um senhor excêntrico ou mesmo uma corajosa mulher, Doctor Who se mantém como um herói para a gente se apaixonar.

Doctor Who está disponível no Globoplay.

7. The Wire

Um dos maiores clássicos da HBO, The Wire traz um retrato bastante realista sobre o mundo das drogas nas ruas de uma cidade grande. Para isso, a série apresenta uma abordagem bastante crua do que acontece na cidade de Baltimore, em que o tráfico não é o único problema a ser enfrentado, mas também a violência originada dela e a própria disputa de poder e a corrupção da polícia.

Assim, a trama se desenrola a partir de uma força policial que investiga a atuação de gangues na região e a melhor forma de avançar nisso é mergulhando nesse mundo perigoso — e é aí que conhecemos uma galeria de personagens icônicos e seus destinos trágicos.

The Wire está disponível na HBO Max.

6. American Horror Story

Mas não importa o fenômeno que seja, uma coisa segue imutável: o terror ainda é o gênero favorito do brasileiro. Assim, mais uma vez, American Horror Story aparece em nossa lista de séries mais assistidas do Brasil — ainda mais com a décima temporada que acabou de ser concluída.

A boa notícia é que, se você nunca assistiu a nenhum episódio do seriado, pode partir para a temporada mais recente sem peso na consciência. Como ela funciona em um formato de antologia, é possível acompanhar qualquer um dos anos de forma isolada e ainda curtir o clima assustador de acordo com o tema que preferir.

Além do Star+, American Horror Story está disponível no Globoplay e no Now.

5. Dexter

A gente se acostumou a ver serial killers psicopatas sendo retratados como vilões no cinema e na TV, mas o que acontece quando esse tipo de personagem se torna o mocinho da história? Dexter brinca com essa ideia de uma forma bastante divertida ao apresentar esse herói fora do comum e que usa seu distúrbio psiquiátrico e a sua sede de sangue para fazer o bem — se é que isso é possível.

Assim, ao invés de sair por aí matando a esmo, ele usa suas habilidades para atuar como especialista forense da polícia de Miami, além de sair por aí caçando criminosos para fazer justiça ao seu modo. É basicamente uma história de super-herói, mas sem as roupas coloridas e com um protagonista bastante carismático.

Dexter está disponível no Prime Video, Paramount+, HBO Max e Now.

4. Cowboy Bebop

O clássico anime de 1998 ganhou o interesse do brasileiro graças às novidades sobre a adaptação em live action da Netflix — principalmente a partir da excelente recriação da abertura clássica.

Na história original, acompanhamos três caçadores de recompensas — Spike, Jet Black e Faye Valentine — que viajam a bordo da nave Bebop em busca de criminosos em um futuro no qual a humanidade passou a colonizar o espaço após a Terra se tornar inabitável. A partir disso, vamos conhecendo melhor o trio de protagonistas à medida que um novo trabalho se relaciona com o passado de cada um deles. E tudo isso ao som de uma trilha sonora que é incrível até hoje.

Cowboy Bebop está disponível na Netflix, Crunchyroll e no Funimation.

3. Game of Thrones

Um dos maiores fenômenos recentes da TV, Game of Thrones é uma daquelas séries que praticamente todo mundo conhece. Baseada nos livros de George R. R. Martin, ela traz um mundo medieval que chama muito mais a atenção pela trama política que se desenrola entre as Casa e o Reino de Westeros do que pelos elementos fantásticos. Embora os dragões e os Caminhantes Brancos tenham sido os grandes chamarizes, foi nas conspirações palacianas e nas reviravoltas que a produção da HBO ganhou todo mundo.

A história principal parte da família Stark, uma das mais tradicionais e fiéis ao Trono de Ferro. Contudo, aos poucos, ela vai se abrindo e trazendo novos rostos e apresentando novos protagonistas — e todos eles exageradamente humanos. Sem se apoiar no maniqueísmo barato de bem contra o mal, Game of Thrones mostrou que o grande segredo de um bom roteiro é a área cinza das relações pessoais.

As oito temporadas de Game of Thrones estão disponíveis na HBO Max.

2. Dragon Ball Z

Outro fenômeno que é constantemente impulsionado pelo saudosismo. Dragon Ball Z já terminou há quase 30 anos, foi reprisado à exaustão por diversas emissoras no Brasil e, mesmo assim, continua sendo assistido com uma frequência absurda pelo brasileiro. Não importa o tempo que passe, a saga de Goku segue sendo a verdadeira dona dos corações dos otakus tupiniquins.

Para quem nunca assistiu ao anime, a história é bastante simples: um grupo de guerreiros ultrapoderosos lutam para proteger a Terra de invasões alienígenas. A cada nova saga, alguma ameaça aparece para tentar dominar ou destruir o mundo e Goku e companhia resolvem tudo na base do soco, chute e poderes especiais. O grande charme está no humor que é construído em torno disso tudo graças a personagens muito carismáticos.

Você pode assistir a Dragon Ball Z no Oldflix.

1. Fringe

De certo modo, Fringe pode ser considerado o sucessor espiritual de Arquivo X. A série de 2008 herdou bem esse clima de divisão governamental que estuda eventos paranormais, mas partiu para um caminho totalmente novo. Ao invés de abordar questões de aliens, ela vai literalmente para outro mundo.

Em linhas gerais, é como se a nossa realidade fosse uma entre tantas e que, de alguma forma, é possível entrar em contato com esse algo a mais — mais ou menos como a Marvel está fazendo com o multiverso agora nos cinemas. E é aí que a história se aprofunda e fica realmente interessante, mostrando a agente especial Olivia Dunham (Anna Torv) conhecendo mais desses eventos estranhos e descobrindo que eles sempre estiveram à nossa volta.

Fringe possui cinco temporadas e todas estão disponíveis na HBO Max.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos