Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.672,26
    +591,96 (+0,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.741,50
    +1.083,60 (+2,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,06
    -0,56 (-0,52%)
     
  • OURO

    1.828,10
    -2,20 (-0,12%)
     
  • BTC-USD

    21.361,39
    +24,82 (+0,12%)
     
  • CMC Crypto 200

    462,12
    +8,22 (+1,81%)
     
  • S&P500

    3.911,74
    +116,01 (+3,06%)
     
  • DOW JONES

    31.500,68
    +823,28 (+2,68%)
     
  • FTSE

    7.208,81
    +188,36 (+2,68%)
     
  • HANG SENG

    21.719,06
    +445,16 (+2,09%)
     
  • NIKKEI

    26.491,97
    +320,77 (+1,23%)
     
  • NASDAQ

    12.132,75
    -7,75 (-0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5311
    +0,0194 (+0,35%)
     

As 10 séries mais assistidas da semana (19/06/2022)

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

As séries mais vistas da última semana deixam claro o quanto o mês de junho foi especial para quem está sempre ávido por novidades. Foram várias estreias e novidades chegando aos streamings e mostrando que não faltam opções para quem quer maratonar algo novo.

O destaque da semana fica para a estreia de Ms. Marvel, a nova heroína da editora que chega para ampliar e trazer um ar mais juvenil a esse universo cinematográfico. Com um estilo mais teen e uma proposta mais leve, é uma ótima pedida para introduzir novos fãs para o mundo da Marvel.

Já para os amantes de ficção científica, For All Mankind ganha novos episódios para mostrar um pouco mais desse futuro alternativo em que a corrida espacial nunca chegou ao fim. Isso sem falar de Irma Vep, um suspense com Alicia Vikander que homenageia um dos grandes clássicos do cinema mudo.

Vale destacar que ainda não existe uma ferramenta oficial que faça essa medição de audiência em séries nos serviços e que a melhor forma de fazer essa aferição é a partir do JustWatch, uma plataforma que ajuda os usuários a encontrarem o que assistir e também em que streaming o conteúdo está disponível.

Então, com base nesses dados, chegamos a um ranking aproximado de quais foram as séries mais assistidas pelos brasileiros na última semana.

10. For All Mankind

Em um mundo em que a corrida espacial da Guerra Fria entre Estados Unidos e União Soviética nunca chegou ao fim. Na verdade, a história se deu de forma bem diferente: os soviéticos foram os primeiros a chegar à Lua e, por causa disso, os estadunidenses se empenharam em superar seus adversários em outras investidas no espaço.

A partir disso, For All Mankind explora aquilo que há de melhor em uma ótima ficção-científica para mostrar esse futuro alternativo em que nos aventuramos mais e mais em meio às estrelas — e como essa rivalidade eterna impacta diretamente a vida de quem está fora do planeta.

For Fall Mankind está disponível no Apple TV+.

9. Chapelwaite

Baseado em um conto do mestre do horror, Stephen King, Chapelwaite nos leva ao anos de 1850, quando o capitão Charles Boone (Adrien Brody) se muda para uma antiga casa herdada em uma área isolada do litoral americano. O problema é que essa antiga propriedade guarda alguns segredos da família que voltam para assombrá-lo.

Chapelwaite está disponível na HBO Max.

8. Ruptura

Você certamente já ouviu que a melhor coisa a se fazer é saber separar sua vida pessoal da profissional. Mas e se isso pudesse ser feito de forma literal? Em Ruptura, vemos um mundo distópico em que isso não só é possível como é a regra: a partir de cirurgia, os funcionários de uma empresa têm as suas memórias divididas e a viver essas duas vidas.

Só que as coisas começam a sair do rumo quando um novo funcionário chega à companhia e começa a questionar as coisas, levando a todos a trilharem um caminho que pode revelar a verdade sobre o seu trabalho. Uma bela metáfora sobre o nosso mundo profissional.

Ruptura é exclusivo do Apple TV+.

7. Peaky Blinders

Em uma Inglaterra recém-saída da Revolução Industrial, as gangues tomaram conta das ruas de Londres — e entre elas está a Peaky Blinders, o grupo liderado pelo ambicioso Tommy Shelby (Cillian Murphy). Com seu jeito frio e calculista, ele almeja subir na vida e conquistar o mundo, independente do preço que isso vá custar.

E é justamente em torno dessa premissa bastante simples que Peaky Blinders se tornou um verdadeiro fenômeno. Com personagens bastante carismáticos e uma trama para lá de envolvente, é fácil entender por que o Brasil se dobrou para esse grupo de gângsters.

Peaky Blinders está disponível na Netflix.

6. This is Us

This Is Us conta a história emocionante da família Pearson. Neste ano, a série incluiu a pandemia da covid-19 na linha do tempo dos episódios, enquanto os personagens descobriram mais sobre si mesmos e seus passados, e nós sobre seus futuros.

Apesar de parecer um grande dramalhão, é impossível não se envolver nos dramas particulares de cada um dos personagens, ainda mais quando a gente passa a se reconhecer em alguns deles.

A sexta e última temporada acabou de ser concluída no Star+. Já as outras cinco também podem ser conferidas no Prime Video.

5. Irma Vep

Desiludida com os rumos de sua carreira como atriz nos Estados Unidos, Mira (Alicia Vikander) se muda para a França na tentativa de encontrar um novo rumo na vida artística. E ela logo consegue um papel no remake do clássico do cinema mudo Os Vampiros, interpretando Irma Vep, uma das figuras centrais da história.

Só que essa retomada na sua vida não vai ser tão simples quanto ela imaginava, já que as fronteiras entre realidade e ficção começam a se misturar e Mira passa a se tornar cada vez mais Irma, mostrando que a vida pode imitar terrivelmente a arte.

Irma Vep está disponível na HBO Max.

4. Stranger Things

A estreia da nova temporada de Stranger Things fez o brasileiro se render mais uma vez a essas crianças esquisitas — que agora são um bando de adolescentes ainda mais estranhos tendo que lidar com situações igualmente bizarras. Afinal, você não mexe com o Mundo Invertido sem atrair algumas coisas terríveis para o nosso plano.

E o grande charme da série é fazer um grande apanhado de referências pop das décadas de 1980 e 1990 — incluindo vários elementos de filmes de terror desses períodos — com uma boa dose de teoria da conspiração e alguns clichês que sempre funcionam muito bem. E tudo apoiado em um elenco sempre muito carismático.

Stranger Things está disponível na Netflix.

3. Obi-Wan Kenobi

Antes de se tornar o velho ranzinza de Uma Nova Esperança, Obi-Wan era um Jedi amargurado e lamentoso no deserto de Tatooine. E a nova série de Star Wars explora justamente todo o peso que o personagem carrega após ter perdido seu amigo e aprendiz Anakin Skywalker para o Lado Sombrio da Força.

Ambientado entre os Episódios III e IV da franquia, Obi-Wan Kenobi traz Ewan McGregor novamente como o velho Jedi e terá que lidar com os fantasmas do passado, incluindo ficar cara a cara com o recém-transformado Darth Vader, que colocou um grupo de elite à sua procura pela galáxia. Só que nem tudo é sofrimento, pois o Jedi também vai se deparar com a fagulha de uma nova esperança para o futuro.

Obi-Wan Kenobi está disponível no Disney+.

2. The Boys

Nem todo super-herói é bonzinho como o Superman e o Capitão América. Na verdade, há grandes chances de alguém com tanto poder nas mãos ser um babaca completo — e é esse lado menos bonito da coisa que The Boys explora.

Assim, quando os heróis abraçam esse mundo de glamour e de celebridades e deixam o poder subir à cabeça, é fácil as coisas saírem de controle. Quando isso acontece, um grupo especial precisa entrar em ação para manter tudo em ordem.

The Boys está disponível no Prime Video.

1. Ms. Marvel

A nova heroína da Marvel não só carrega o nome da editora, como também promete trazer um tom mais juvenil para o Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla em inglês). Ms. Marvel apresenta Kamala Khan (Iman Vellani), uma adolescente filha de imigrantes paquistaneses que tem que se divide entre uma jovem nerd fã de super-heróis e uma vida ainda ligada às tradições e regras rígidas impostas por seus pais.

E o que já era uma tarefa muito difícil se torna ainda mais complicada quando ela ganha poderes e se torna uma heroína de verdade. Assim, a série acompanha o despertar de Kamala e a sua luta para descobrir quem ela realmente é — e tudo isso com muito estilo e muito bom humor.

Ms. Marvel está disponível no Disney+.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos