Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.587,90
    +1.582,68 (+1,48%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.547,44
    +257,53 (+0,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    112,70
    +0,49 (+0,44%)
     
  • OURO

    1.843,90
    +2,70 (+0,15%)
     
  • BTC-USD

    29.256,16
    -773,63 (-2,58%)
     
  • CMC Crypto 200

    652,20
    -21,17 (-3,14%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.822,50
    -55,75 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1486
    -0,0702 (-1,35%)
     

1º voo orbital da Starship só deve acontecer a partir de junho; entenda

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O primeiro teste de voo orbital da espaçonave Starship, da SpaceX, será adiado mais uma vez. A operação depende da conclusão de uma avaliação ambiental das instalações da empresa em Boca Chica, no Texas, feita pela Administração Federal de Aviação (FAA, na sigla em inglês).

O teste orbital é uma etapa fundamental do sistema planejado para levar astronautas à Lua e, posteriormente, a Marte. No entanto, os trâmites burocráticos têm atrasado sistematicamente o cronograma da empresa de Elon Musk.

Em nota publicada no dia 29 de abril, a FAA disse que, diante das recentes alterações da SpaceX em seu projeto, serão necessárias análises complementares. A avaliação ambiental, que originalmente deveria ter sido concluída no final do ano passado, agora só deve terminar em 31 de maio.

Starship montada no topo do Super Heavy. Juntos, eles formam o sistema de lançamento mais alto da Terra (Imagem: Reprodução/Elon Musk/Twitter)
Starship montada no topo do Super Heavy. Juntos, eles formam o sistema de lançamento mais alto da Terra (Imagem: Reprodução/Elon Musk/Twitter)

Até o momento, a conclusão da avaliação já foi adiada quatro vezes. Ela é um procedimento padrão para avaliar quais impactos a operação pode acarretar ao meio ambiente. As instalações da SpaceX em Boca Chica ficam próximas a um importante refúgio da vida selvagem, lar de tartarugas marinhas e aves migratórias.

A primeira avaliação ambiental foi realizada em setembro do ano passado e, então, foi encaminhada para um período de revisão na qual recebeu comentários públicos. Então, em novembro, 11 grupos ambientais solicitaram à FAA uma análise nos planos da SpaceX “mais de perto”. Para a nova avaliação ambiental, a agência de transporte dos EUA ainda precisa revisar pelo menos 18 mil comentários recebidos pelo grande público.

A FAA também ressaltou que a avaliação não garantirá a emissão de uma licença de lançamento para a SpaceX. Como precaução, a empresa iniciou a construção de uma plataforma de lançamento da Startship no Centro Espacial Kennedy, na Flórida, onde já tem autorização para lançamento.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos