Mercado fechará em 4 h 32 min
  • BOVESPA

    122.146,64
    +265,82 (+0,22%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.271,78
    +52,52 (+0,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,04
    +0,67 (+1,02%)
     
  • OURO

    1.864,90
    +26,80 (+1,46%)
     
  • BTC-USD

    44.035,25
    -3.978,63 (-8,29%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.216,67
    +18,76 (+1,57%)
     
  • S&P500

    4.153,29
    -20,56 (-0,49%)
     
  • DOW JONES

    34.214,92
    -167,21 (-0,49%)
     
  • FTSE

    7.035,45
    -8,16 (-0,12%)
     
  • HANG SENG

    28.194,09
    +166,52 (+0,59%)
     
  • NIKKEI

    27.824,83
    -259,67 (-0,92%)
     
  • NASDAQ

    13.272,25
    -114,75 (-0,86%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3918
    -0,0122 (-0,19%)
     

Wall St encerra mista apesar de grandes ganhos de bancos

Shivani Kumaresan e Shreyashi Sanyal e David French
·2 minuto de leitura
Pessoas passam em frente ao prédio da Bolsa de Nova York, NY, EUA

Por Shivani Kumaresan e Shreyashi Sanyal e David French

(Reuters) - Os índices de Wall Street encerraram mistos nesta quarta-feira, com o Nasdaq e o S&P 500 recuando apesar de outra máxima recorde intradiária para este último e de resultados excepcionais dos grandes bancos no primeiro dia da temporada de balanços.

As ações do Goldman Sachs Group Inc e do Wells Fargo & Co subiram 2,3% e 5,5%, respectivamente, com os lucros do primeiro trimestre.

O Goldman capitalizou os níveis recordes de atividade global de negociação e o Wells reduziu as provisões para empréstimos inadimplentes e controlou os custos vinculados ao seu escândalo de práticas de vendas.

As ações do JPMorgan Chase & Co recuaram 1,9%, apesar de os ganhos do maior banco norte-americano terem saltado quase 400% com a liberação de mais de 5 bilhões de dólares em reservas para cobrir inadimplências de empréstimos em relação ao coronavírus.

"Os lucros do banco foram fortes, mas o mercado esperava que fossem fortes", disse Christopher Grisanti, estrategista-chefe de ações da MAI Capital Management.

"Portanto, a questão é como as ações dos bancos sobem mais a partir daqui, isso não está claro. Eles fizeram uma boa trajetória. Acho que haverá outros lugares para ganhar dinheiro com mais facilidade no futuro."

O segmento financeiro do S&P 500 teve um dos melhores desempenhos do primeiro trimestre, subindo 15%, mesmo quando o Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) comprometeu-se a manter as taxas de juros baixas no futuro próximo. O índice subiu 0,7% nesta quarta-feira.

O setor de energia do S&P 500 foi o que mais ganhou entre os 11 subíndices, avançando 2,9% ao acompanhar a alta dos preços do petróleo.

O Dow Jones subiu 0,16%, para 33.730,89 pontos; e o S&P 500 perdeu 0,41%, a 4.124,66 pontos.

O Nasdaq recuou 0,99%, para 13.857,84 pontos, pressionado pelas ações relacionadas à tecnologia, incluindo Apple Inc, Microsoft Corp e Tesla Inc.

A Coinbase Global Inc avançou após sua listagem na Nasdaq nesta quarta-feira, chegando a atingir 429,54 dólares por ação contra um preço de referência de 250 dólares. A ação fechou em 328,28 dólares.