Mercado abrirá em 33 mins
  • BOVESPA

    116.464,06
    -916,43 (-0,78%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.053,56
    -72,95 (-0,16%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,86
    +0,25 (+0,48%)
     
  • OURO

    1.841,90
    -9,00 (-0,49%)
     
  • BTC-USD

    31.534,76
    -853,82 (-2,64%)
     
  • CMC Crypto 200

    634,46
    -5,46 (-0,85%)
     
  • S&P500

    3.849,62
    -5,74 (-0,15%)
     
  • DOW JONES

    30.937,04
    -22,96 (-0,07%)
     
  • FTSE

    6.605,17
    -48,84 (-0,73%)
     
  • HANG SENG

    29.297,53
    -93,73 (-0,32%)
     
  • NIKKEI

    28.635,21
    +89,03 (+0,31%)
     
  • NASDAQ

    13.518,75
    +33,25 (+0,25%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4916
    -0,0192 (-0,29%)
     

Índices da China se recuperam com sinalização de suporte ao mercado por reguladores

·1 minuto de leitura

XANGAI/HONG KONG (Reuters) - Os índices acionários da China subiram 3% nesta segunda-feira, liderados pelas empresas financeiras, depois que reguladores agiram para impulsionar o mercado elevando o teto de investimento em ações para seguradoras e encorajando fusões e aquisições entre corretoras e casas de fundo mútuo.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, subiu 2,98%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 3,11%.

O índice de start-ups ChiNext Composite avançou 1,31%.

Liderando os ganhos, o subíndice do setor financeiro do CSI300 saltou 4,3% após o regulador estatal elevar o teto de investimento em ações para seguradoras, em um esforço para levar mais fundos de longo prazo ao mercado de capital.

O rali no mercado acionário é algo que os reguladores precisam já que pode reduzir a pressão social doméstica na China dadas as dificuldades econômicas provocadas pelo surto de coronavírus, disseram analistas.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,09%, a 22.717 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,12%, a 25.057 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 3,11%, a 3.314 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 2,98%, a 4.680 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,14%, a 2.198 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,06%, a 12.174 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,08%, a 2.616 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,53%, a 6.001 pontos.

(Reportagem de Luoyan Liu, Noah Sin e Andrew Galbraith)