Mercado fechado

Índices da China fecham em alta por otimismo com comércio

XANGAI (Reuters) - Os índices acionários da China começaram a semana em alta nesta segunda-feira, sustentados por novas expectativas de avanço nas negociações comerciais com os Estados Unidos após declarações positivas de ambos os lados.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, subiu 0,73%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,72%.

Na sexta-feira, os líderes dos EUA e da China destacaram seu desejo de assinar um acordo comercial inicial e acabar com 16 meses de guerra tarifária que prejudicaram o crescimento global.

O assessor de segurança nacional dos EUA, Robert O'Brien, disse no sábado que um acordo inicial ainda é possível até o fim do ano, mas alertou que Washington não vai virar as costas para o que acontece em Hong Kong.

A China e os Estados Unidos estão muito perto da fase um de um acordo comercial, afirmou nesta segunda-feira o Global Times, tablóide comandado pelo oficial People's Daily, do Partido Comunista, ignorando notícias "negativas".

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,78%, a 23.292 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 1,50%, a 26.993 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,72%, a 2.906 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,73%, a 3.878 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 1,02%, a 2.123 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,05%, a 11.561 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,16%, a 3.220 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,32%, a 6.731 pontos.