Mercado abrirá em 7 h 45 min

Índices da China caem com menor otimismo sobre trégua comercial

XANGAI (Reuters) - Os principais índices acionários da China caíram na quarta-feira em meio à redução do otimismo do investidor com as negociações comerciais com os Estados Unidos, e com novos dados do setor de serviços chinês ampliando os sinais de desaceleração doméstica.

O índice CSI300 <.CSI300>, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, terminou com queda de 1,11%, enquanto o índice de Xangai <.SSEC> caiu 0,94%.

O subíndice do setor financeiro <.CSI300FS> perdeu 0,72%, o de consumo <.CSI000912> recuou 2,92% e o de saúde <.CSI300HC> caiu 1,62%.

O crescimento do setor de serviços da China desacelerou para a mínima de 4 meses em junho uma vez que as novas encomendas do exterior caíram, mostrou nesta quarta-feira a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês). O resultado amplia os sinais de desaceleração econômica conforme a guerra comercial com os EUA se arrasta.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei <.N225> recuou 0,53%, a 21.638 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG <.HSI> caiu 0,07%, a 28.855 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC <.SSEC> perdeu 0,94%, a 3.015 pontos.

. O índice CSI300 <.CSI300>, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 1,11%, a 3.893 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI <.KS11> teve desvalorização de 1,23%, a 2.096 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX <.TWII> registrou baixa de 1,12%, a 10.743 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES <.STI> desvalorizou-se 0,09%, a 3.367 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 <.AXJO> avançou 0,49%, a 6.685 pontos.


(Reportagem de Andrew Galbraith)