Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,44 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,75 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,74
    -1,49 (-1,83%)
     
  • OURO

    1.668,30
    -0,30 (-0,02%)
     
  • BTC-USD

    19.355,12
    -107,42 (-0,55%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,10 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,96 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,84 (-1,83%)
     
  • NASDAQ

    11.058,25
    -170,00 (-1,51%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3079
    +0,0099 (+0,19%)
     

Índices de confiança do comércio e serviços sobem em junho, diz FGV

·1 min de leitura

Os índices de confiança do comércio e do setor de serviços cresceram, pela terceira vez consecutiva, na passagem de maio para junho. Segundo da Fundação Getulio Vargas (FGV), o Índice de Confiança de Serviços subiu 5,7 pontos em junho e chegou a 93,8 pontos, o maior valor desde fevereiro de 2020 (94,4 pontos), período pré-pandemia de covid-19.

O Índice da Situação Atual, que mede a percepção dos empresários de serviços sobre o presente, teve alta de 4,7 pontos e atingiu 88,7 pontos. O Índice de Expectativas, que mede a confiança no futuro, cresceu 6,7 pontos e alcançou 99,1 pontos.

Ouça na Radioagência Nacional

Acompanhe essa e outras notícias na Radioagência Nacional


Comércio

O Índice de Confiança do Comércio subiu 2 pontos e chegou a 95,9 pontos, patamar mais alto desde setembro de 2020 (99,6 pontos). A confiança do empresariado do comércio cresceu em quatro dos seis setores pesquisados pela FGV.

A alta do setor foi puxada pelo Índice de Situação Atual que avançou 9,3 pontos e chegou a 104,2 pontos. O Índice de Expectativas por outro lado, recuou 5,9 pontos e atingiu 87,6 pontos.