Mercado fechado

Índice regional da indústria dos EUA sobe acima do esperado em janeiro

Valor

Indicador do Fed da Filadélfia aumentou quase 15 pontos, para 17,0; expectativa era de alta para 3,8 O índice de difusão para a atividade industrial do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) da Filadélfia aumentou quase 15 pontos em janeiro, de uma leitura revisada de 2,4 em dezembro para 17,0.

A porcentagem de empresas com relatos de aumento da atividade (39%) foi maior que a fatia das que informam queda (22%). Os índices para embarques atuais e novos pedidos também subiram. O novo índice de pedidos aumentou 7 pontos, e o índice de embarques subiu 8 pontos.

Em balanço, as empresas também relataram um ligeiro declínio dos estoques industriais em janeiro.

Os fabricantes continuaram relatando expansão do emprego este mês, com o índice aumentando 3 pontos, para 19,3. Quase 28% das empresas relataram maior emprego, enquanto 9% relataram menor taxa. O índice médio da semana de trabalho permaneceu positivo, mas caiu 3 pontos.

As empresas continuaram relatando aumentos gerais nos preços pagos pelos insumos, com o índice subindo 6 pontos, para 22,1. Quase 27% dos entrevistados relataram preços mais altos de insumos; apenas 5% relataram menores. A maior porcentagem (68%) informou preços de insumo estáveis.

Nas perguntas especiais deste mês, as empresas foram solicitadas a caracterizar a demanda por seus produtos nos últimos meses e prever sua produção para o primeiro trimestre de 2020. A maioria delas (44%) relatou um aumento na demanda subjacente, mas 31% caracterizaram como em queda a demanda subjacente nos meses recentes.

Mais de 62% das empresas antecipam aumento da produção no primeiro trimestre, enquanto 33% esperam redução.