Mercado fechará em 2 h 54 min
  • BOVESPA

    104.999,54
    +533,30 (+0,51%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.202,21
    +274,83 (+0,54%)
     
  • PETROLEO CRU

    67,99
    +1,49 (+2,24%)
     
  • OURO

    1.770,70
    +8,00 (+0,45%)
     
  • BTC-USD

    55.848,55
    -626,96 (-1,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.418,13
    -23,64 (-1,64%)
     
  • S&P500

    4.520,10
    -57,00 (-1,25%)
     
  • DOW JONES

    34.391,36
    -248,43 (-0,72%)
     
  • FTSE

    7.111,66
    -17,55 (-0,25%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.689,00
    -299,50 (-1,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3919
    +0,0117 (+0,18%)
     

Índice europeu de ações tem leve alta apoiado por papéis de commodities e bancos

·1 min de leitura

Por Anisha Sircar

(Reuters) - A maioria dos índices de ações europeus tinha leves altas nesta segunda-feira, amparados por papéis de empresas de commodities e bancos, enquanto investidores aguardavam uma enxurrada de relatórios de lucros com vários gigantes devendo publicar resultados nesta semana.

Os setores de mineração e energia subiam 1,2% e 0,7%, respectivamente, impulsionados pelos preços do petróleo em máximas em vários anos e por uma recuperação nos preços do cobre, uma vez que os estoques nos armazéns de Xangai caíram para uma mínima em mais de 12 anos.

"O mercado tem se preocupado com o risco de estagflação nas últimas semanas. E toda vez que você vê os preços do petróleo em alta, é quando o mercado começa a se preocupar com a volta do risco de estagflação", disse Andrea Cicione, chefe da estratégia na TS Lombard.

O foco se volta para uma lista de grandes empresas que divulgam balanços nesta semana, incluindo Facebook, Microsoft, Deutsche Bank e Lloyds, bem como para a reunião de política monetária do Banco Central Europeu (BCE) em Frankfurt na quinta-feira.

O índice pan-europeu STOXX 600 tinha alta de 0,15%, a 472,57 pontos.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançava 0,58%, a 7.246,38 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subia 0,41%, a 15.605,97 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhava 0,02%, a 6.734,93 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib tinha valorização de 0,88%, a 26.806,53 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrava alta de 0,56%, a 8.956,70 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizava-se 0,16%, a 5.765,11 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos