Mercado abrirá em 5 h 44 min
  • BOVESPA

    111.289,18
    +1.085,18 (+0,98%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.037,05
    -67,35 (-0,13%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,66
    -0,69 (-0,79%)
     
  • OURO

    1.811,60
    -18,10 (-0,99%)
     
  • BTC-USD

    35.949,39
    -1.699,70 (-4,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    818,24
    -37,58 (-4,39%)
     
  • S&P500

    4.349,93
    -6,52 (-0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.168,09
    -129,61 (-0,38%)
     
  • FTSE

    7.469,78
    +98,32 (+1,33%)
     
  • HANG SENG

    23.673,04
    -616,86 (-2,54%)
     
  • NIKKEI

    26.165,35
    -845,98 (-3,13%)
     
  • NASDAQ

    13.926,00
    -232,50 (-1,64%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0937
    -0,0127 (-0,21%)
     

Índice Dow Jones toca máxima recorde com queda em pedidos de auxílio-desemprego

(Reuters) - O Dow atingiu uma máxima histórica logo após a abertura dos mercados nesta quinta-feira, estendendo um rali recorde, já que a queda nos pedidos semanais de auxílio-desemprego nos Estados Unidos mostrou que ainda não houve impacto do aumento das infecções por coronavírus no emprego.

O Dow Jones Industrial Average subia 0,09%, a 36.522,48 pontos, logo após a abertura. O S&P 500 tinha variação positiva de 0,02%, a 4.794,23 pontos, enquanto o Nasdaq Composite recuava 0,05%, a 15.758,98 pontos.

(Por Medha Singh)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos