Índice de ações FGV-100 recua 1,10%

O índice FGV-100, calculado pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getulio Vargas (FGV), fechou nesta sexta-feira com baixa de 1,10%, aos 14.345 pontos. Na máxima pontuação do dia, o índice marcou 14.504 pontos (estável). Na mínima pontuação, cedeu 1,30%, aos 14.315 pontos. Das 100 ações que compõem o índice, 40 subiram, 57 caíram e três permaneceram estáveis.

O índice FGV-100 é uma referência de desempenho das ações de segunda linha negociadas no Brasil. A carteira do FGV-100 é formada por 100 papéis de empresas privadas não financeiras, tendo como critério de seleção, além da dimensão das companhias, o desempenho econômico financeiro e a liquidez das ações negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa).

Carregando...