Mercado abrirá em 7 h 13 min

Áustria concede auxílio de 450 milhões de euros à Austrian Airlines

A companhia retomará suas atividades em 15 de junho, após três meses sem serviços

A companhia aérea austríaca Austrian Airlines (AUA), subsidiária da alemã Lufthansa, se beneficiará de um plano de apoio público de 450 milhões de euros (US$ 508 milhões), para se recuperar da crise pelo coronavírus, anunciou nesta segunda-feira (08) o chanceler Sebastián Kurz.

Após várias semanas de negociações com o grupo alemão, conseguiu chegar a um acordo de "150 milhões de euros de dinheiro público (US$ 170 milhões) e 300 milhões (US$ 340 milhões) de créditos fornecidos por parte de um consórcio de bancos austríacos", afirmou Kurz em coletiva de imprensa.

Lufthansa, por sua vez, também participará no plano de resgate injetando 150 milhões de euros (US$ 170 milhões) em sua filial.

A companhia retomará suas atividades em 15 de junho, após três meses sem serviços.