Mercado fechado

Veja 4 dos maiores asteroides que já passaram perto da terra

Grandes asteroides já passaram perto da terra. Foto: Getty Creative.
Grandes asteroides já passaram perto da terra. Foto: Getty Creative.
  • As chuvas de meteoros são formadas quando um cometa ou um asteroide cruza a órbita do planeta Terra;

  • 4 grandes asteroides já chegaram perto (em termos astronômicos) do planeta;

  • Chuva de meteoros Eta Aquáridas pode ser vista no Brasil;

Astrônomos profissionais, pesquisadores e observadores do espaço puderam acompanhar no início de maio a chuva de meteoros Eta Aquáridas. O fenômeno pôde ser visto do hemisfério sul e foi causado por fragmentos do famoso cometa Halley, que passa pela terra a cada 76 anos, de acordo com a Nasa. Sua última passagem por aqui foi em 1986 e a previsão para a próxima aparição é até 2061.

A Eta Aquáridas, que recebeu esse nome em homenagem à constelação de aquário, é conhecida pela sua rapidez e pode atingir uma taxa de 238 mil quilômetros por hora.

As chuvas de meteoros são formadas quando um cometa ou um asteroide cruza a órbita do planeta terra, depois de se aproximar do sol, deixando um rastro de detritos, gases e poeiras. Essas partículas que se soltam entram na atmosfera terrestre e produzem um rastro luminoso que é possível de ser observado.

A seguir, confira 4 grandes asteroides que já passaram perto da terra:

  1. 2021 NY1

  2. 3122 Florence

  3. 16960

  4. 3200 Phanton

2021 NY1

A rocha espacial batizada de 2021 NY1 passou “perto” da Terra em setembro do ano passado. As aspas na palavra perto é porque essa distância mostra uma proximidade em termos astronômicos. O asteroide passou a 1,5 milhão de quilômetros do nosso planeta. Essa distância corresponde a ir e voltar daqui para a Lua 4 vezes.

Apesar de não representar nenhum risco de colisão, o 2021 NY1 é classificado pelas agências espaciais como potencialmente perigoso à humanidade por seu tamanho - diâmetro estimado entre 130 e 300 metros - equivalente a três campos de futebol.

3122 Florence

Descoberto em 1981 pelo astrônomo Schelte Bus, o asteroide 3122 Florence chegou o mais próximo da Terra a cerca de 7 milhões de km de distância.

As dimensões dessa rocha do espaço são impressionantes: 4,9 km de diâmetro. Com esse tamanho, se colidisse com o planeta que habitamos, viveríamos certamente um cenário de filmes que falam sobre o fim do mundo.

Felizmente, o 3122 Florence está programado para dar uma passadinha por aqui de novo em 2024, mas desta vez a 57 milhões de quilômetros de distância.

16960

O asteroide 16960 ou 1998 QS52 passou bem próximo a terra no ano de 1999, quando sua distância era de 6 milhões de quilômetros. Seu diâmetro aproximado é de 4,1 km e depois de cruzar as órbitas de Júpiter e Vênus, deve dar uma passadinha por aqui novamente em 2025 a cerca de 70 milhões de quilômetros e em 2038, dessa vez mais perto, a 12 milhões de quilômetros.

3200 Phanthon

Com um diâmetro de 6,25 km, o asteroide 3200 Phanthon chegou a 5,7 milhões de quilômetros de distância da Terra em 1931.

Detectado pelo Satélite Astronômico Infravermelho, o asteroide cruza as órbitas da Terra, Vênus, Mercúrio e Marte.

É aguardada sua volta por aqui em 2026, mas desta vez a uma distância de 5 milhões de quilômetros.