Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.953,90
    +411,95 (+0,42%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.743,15
    +218,70 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    108,46
    +2,70 (+2,55%)
     
  • OURO

    1.812,90
    +5,60 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    19.276,99
    -179,61 (-0,92%)
     
  • CMC Crypto 200

    420,84
    +0,70 (+0,17%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,83 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.168,65
    -0,63 (-0,01%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    25.935,62
    -457,42 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    11.610,50
    +81,00 (+0,70%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5587
    +0,0531 (+0,96%)
     

Brasileiro deveria receber salário mínimo de R$ 6.394,76, diz Dieese

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
various money notes of 50 reais 100 reais and 200 reais from brazil on a wood background. space for text. money from brazil. earn money. Real, Currency, Money, Dinheiro, Reais, Brasil.
O cálculo leva em consideração itens básicos e essenciais (Getty Image)
  • Cálculo aponta que trabalhadores recebem quase 6 vezes menos do que deveriam;

  • O salário estimado é para garantir o básico para famílias de até 4 pessoas;

  • Aumento no preço da comida interferiu na estimativa realizada.

Quanto seria necessário receber para garantir moradia, transporte, alimentação e lazer? De acordo com o Dieese, em março o brasileiro deveria receber R$ 6.394,76 como salário mínimo para viver com dignidade.

Todo o cálculo realizado pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos leva em consideração o sustento de uma família de quatro pessoas.

O preço da alimentação comprometeu o orçamento dos brasileiros

O aumento no preço dos produtos básicos é um fator crucial para a estimativa. No Rio de Janeiro, por exemplo, o preço da comida aumentou 7,65%. Salvador foi o local com o menor índice, variando apenas para 1,46%.

Além disso, órgão ainda estimou o quão comprometida fica a renda após a compra da cesta básica. Em média, o trabalhador que recebe um salário mínimo gasta 58,57% apenas para comprar alimentos essenciais.

Entre todos os itens que contribuíram para o aumento da cesta foi constatado que o feijão, o pão francês, a farinha de mandioca e o óleo de soja, tiveram alta em todas as capitais analisadas na pesquisa do Dieese, inflacionando o preço final das compras no supermercado.

Desde janeiro, o valor recebido pelo trabalhador assalariado está fixado em R$ 1.212.

O que é o DIEESE?

O O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos é uma entidade mantida pelo movimento sindical. Ela é responsável pela realização constante de pesquisas sobre custo de vida, emprego e desemprego, o mundo do trabalho e os trabalhadores.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos