Mercado abrirá em 8 h 18 min

Bolsa cai e dólar fecha em alta na Argentina

O governo de Macri implementou um controle de câmbios até o fim do ano

O índice Merval da Bolsa de Buenos Aires caiu nesta terça-feira 11,9%, a 23.079,32 pontos, com as ações de bancos e de empresas energéticas especialmente afetadas, no segundo dia de vigência de um controle cambial.

Na véspera, um feriado nos Estados Unidos, a Bolsa tinha se recuperado 6,45% em uma sessão com volume baixo de transações.

O governo de Mauricio Macri decidiu neste domingo implementar até o fim deste ano limites à compra de divisas, diante da acentuação da crise econômica que em três semanas levou a uma desvalorização de cerca de 20% do peso argentino e à perda de mais de 12 bilhões nas reservas internacionais.

A taxa de câmbio se manteve estável nesta terça, a 58,49 pesos por dólar, uma desvalorização de 0,03% em relação à véspera, mas uma alta de 5,23% ante sexta-feira.