Update privacy choices
Finanças

Patrimônio de filho de Bolsonaro cresce 432% em 4 anos

Yahoo Finanças
(Renato S. Cerqueira/Futura Press)

Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL), chamou atenção na última semana por seu enriquecimento nos últimos quatro anos. Como parte da documentação entregue ao TSE para sua candidatura, o deputado viu seu patrimônio crescer mais de 400% em quatro anos.

Em 2014, Eduardo declarou um patrimônio total de R$ 205 mil, composto por um apartamento de R$ 160 mil e um carro de R$ 45 mil.

(Reprodução)

Neste ano, o total de bens do candidato chega a R$ 1,3 milhão, composto por dois apartamentos – um avaliado em R$1 milhão e um de R$ 260 mil-, um automóvel de R$ 93 mil, além de uma previdência privada, poupança e contas no país.

(Reprodução)

O valor é mais de quatro vezes maior do que era há quatro anos. Considerando a inflação no período, a renda de Bolsonaro teria saltado de R$ 262 mil para o total atual.

Família

Eduardo não é o único filho de Jair Bolsonaro na política que disputa essas eleições. Candidato ao senado pelo Rio de Janeiro, Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), também viu seu patrimônio aumentar nos últimos anos.

(Reprodução)

Comparando seus bens declarados em 2014 e em 2018, houve um aumento de R$ 300 mil. Levando em conta a inflação no período, no entanto, houve uma queda no patrimônio do político.

(Reprodução)

Família possui 13 imóveis

Untos, Bolsonaro e seus três filhos (Eduardo, Flávio e Carlos, que não se candidatou nessas eleições) que atuam na política são donos de 13 imóveis, totalizando pelo menos R$ 15 milhões, de acordo com um levantamento do jornal Folha de São Paulo.

655 Reações

Leia também